PLACAR

Rybakina avança direto à 3ª fase, Azarenka eliminada

Foto: Simon Bruty/USTA

Nova York (EUA) – A número 4 do mundo Elena Rybakina não precisou entrar em quadra pela segunda rodada do US Open. A cazaque foi beneficiada pela desistência da australiana Ajla Tomljanovic, 127ª do ranking. Rybakina agora enfrenta a romena Sorana Cirstea, 30ª colocada, que derrotou a russa Anna Kalinskaya por 6/3 e 6/4.

Campeã de Wimbledon no ano passado e vice do Australian Open na atual temporada, Rybakina está com 24 anos e já iguala seu melhor resultado no US Open. Ela chegou à terceira rodada em 2021. Já no ano passado, foi superada ainda na rodada de estreia.

Tomljanovic, que seria adversária da cazaque nesta quarta-feira, disputa neste US Open apenas seu primeiro torneio na temporada. A australiana de 30 anos operou o joelho em janeiro e tinha expectativas de voltar ao circuito em Roland Garros ou Wimbledon, mas seu retorno aconteceu apenas em Nova York, vencendo a húngara Panna Udvardy em três sets.

Zhu derruba Azarenka em sets diretos

Também nesta quarta-feira, a ex-número 1 do mundo Victoria Azarenka se despediu ainda na segunda rodada em Nova York. Atual 18ª do ranking e três vezes finalista em Nova York, Azarenka perdeu por duplo 6/3 para a chinesa Lin Zhu, 44ª colocada. Não foi um dia bom para a bielorrussa, que cometeu 31 erros não-forçados, sete duplas faltas e encarou 12 break-points, permitindo três quebras à rival. Zhu enfrentará a suíça Belinda Bencic na terceira fase.

Outra chinesa a avançar foi a jovem Xinyu Wang, de 21 anos e 53ª do ranking. Ela virou o jogo contra a espanhola Sara Sorribes, campeã em Cleveland no último sábado, com parciais de 5/7, 6/3 e 6/4 em partida com 2h52 de duração. Wang já repete sua melhor campanha em Grand Slam, a terceira rodada de Roland Garros deste ano. Ela enfrenta a eslovaca Anna Schmiedlova, algoz da espanhola Rebeka Masarova por 7/6 (7-0) e 6/2.

Já a canhota Xiyu Wang, de 22 anos e 95ª colocada, perdeu na segunda rodada para a norte-americana Bernarda Pera, 73ª do mundo, com parciais de 3/6, 7/6 (7-5) e 6/2. Pera pode enfrentar a letã Jelena Ostapenko ou a russa Elina Avanesyan.

PUBLICIDADE

VÍDEOS

Karlovic oficializa aposentadoria e recebe homenagem da ATP

O melhor duelo entre Djokovic e Murray? Reveja Qatar em 2017

PUBLICIDADE