PLACAR

Rune e Dimitrov vencem na estreia e podem se cruzar

Foto: ABN AMRO Open

Roterdã (Holanda) – Vice-campeão em 2018 e semifinalista no ano passado, o búlgaro Grigor Dimitrov iniciou campanha com uma boa vitória no ATP 500 de Roterdã. Nesta quarta-feira, o ex-top 3 e atual número 13 do ranking superou o italiano Lorenzo Sonego pelo placar de 7/6 (7-4) e 6/3 em 1h34 e se garantiu nas oitavas de final da competição disputada em piso duro coberto.

O próximo adversário do quinto cabeça de chave do torneio será o húngaro Marton Fucsovics, que na terça-feira derrotou o compatriota Fabian Marozsan em sets diretos. O confronto será um tira-teima entre os dois, já que estão empatados com duas vitórias cada. O búlgaro, no entanto, venceu os duelos mais recentes, um deles já em 2024 na abertura do Australian Open.

O vencedor desta partida enfrentará nas quartas de final quem passar do confronto entre o cazaque Alexander Shevchenko e o dinamarquês Holger Rune. O jovem de 20 anos é o terceiro pré-inscrito da competição e precisou de três sets e quase duas horas de partida para derrubar o russo Roman Safiullin, marcando as parciais de 6/4, 2/6 e 6/1.

+ Clique aqui e siga o Canal do TenisBrasil no WhatsApp

Depois de perder a final de Brisbane para o próprio Dimitrov, Rune tenta se firmar na temporada, já que não passou da segunda rodada em Melbourne e abandonou a semifinal em Montpellier quando pedia por 6/3 e 4/1 para o croata Borna Coric. O dinamarquês venceu o único duelo contra Shevchenko no circuito, justamente nas oitavas de final de Brisbane.

Após título, Humbert não passa da estreia
Depois de levantar em Marselha, no último domingo, o quinto troféu da carreira e retornar ao top 20, o francês Ugo Humbert não passou da estreia em Roterdã. Nesta quarta-feira, o canhoto de 25 anos e sétimo principal favorito lutou por 2h22, mas acabou eliminado pelo finlandês Emil Ruusuvuori, atual 55º do ranking, em três sets, parciais de 7/6 (7-5), 4/6 e 6/3.

Aos 24 anos de idade, Ruusuvuori vive um bom início de temporada, após ser vice-campeão do ATP 250 de Hong Kong na primeira semana de janeiro e endurecer o jogo contra o russo Daniil Medvedev na segunda rodada do Australian Open, levando ao quinto set. Nas oitavas de final do torneio holandês, ele medirá forças com alemão Jan-Lennard Struff, 25º do mundo e que bateu de virada o espanhol Alejandro Davidovich Fokina na primeira fase.

PUBLICIDADE

VÍDEOS

Veja os melhores lances da rápida final masculina de Miami

Collins segura os nervos e bate Rybakina: veja o melhor da final

PUBLICIDADE