PLACAR

Pliskova e Mertens vencem, Jabeur conhece rival

Elise Mertens (Foto: Guadalajara Open AKRON)

Guadalajara (México) – O primeiro dia de jogos pelo WTA 1000 de Guadalajara foi positivo para as cabeças de chave. Karolina Pliskova, Elise Mertens, Anhelina Kalinina e Jasmine Paolini venceram suas partidas de estreia no torneio mexicano em quadras duras.

Ex-número 1 do mundo e atual 36ª do ranking aos 31 anos, Karolina Pliskova venceu a japonesa vinda do quali Ena Shibahara, jogadora que prioriza o circuito de duplas, com parciais de 7/5 e 6/2. A tcheca, que é cabeça 16 no México, enfrenta a norte-americana Hailey Baptiste, que venceu a convidada local Lya Fernandez Olivares por 6/2 e 6/1.

Elise Mertens venceu um duelo belga contra a experiente Yanina Wickmayer por 7/6 (7-4) e 6/2. Cabeça 13 do torneio e 29ª do ranking, Mertens enfrenta a canadense Leylah Fernandez, que venceu a norte-americana Asia Muhammad por 6/1 e 6/3. Já a ucraniana Anhelina Kalinina, cabeça 12, bateu a norte-americana Grace Min por 6/2 e 6/0. Ela pode enfrentar a norte-americana Sofia Kenin ou a canadense Carol Zhao.

Também está definido o duelo italiano entre a cabeça 15 Jasmine Paolini e a canhota Martina Trevisan. Neste domingo, Paolini venceu a norte-americana Louisa Chirico por 6/0 e 7/6 (7-3). Já Trevisan derrotou a duplista holandesa Demi Schuurs, que veio do quali, por 6/2 e 6/0.

Principal cabeça de chave do torneio, a tunisiana Ons Jabeur já tem adversária definida. A número 7 do mundo enfrenta a norte-americana Alycia Parks, que fez 6/3 e 6/2 contra Lauren Davis. Jabeur venceu os dois duelos anteriores entre elas, em Charleston e Berlim.

Garcia tem estreia dura, Bouchard e Townsend desafiam cabeças de chave

A francesa Caroline Garcia e a russa Veronika Kudermetova também já têm adversárias definidas. Terceira favorita ao título, Garcia enfrenta a bielorrussa Aliaksandra Sasnovich, que bateu a holandesa Arantxa Rus por 6/1 e 7/6 (7-5). Já Kudermetova, sétima cabeça de chave, enfrenta a convidada canadense Eugenie Bouchard, que venceu a mexicana Renata Zarazua por 6/1 e 7/6 (7-4). Bouchard já disputou uma final de WTA 250 em Guadalajara ainda em 2021.

Já a norte-americana Taylor Townsend, 101ª do ranking, venceu a australiana Ajla Tomljanovic por 7/6 (7-3) e 6/4. Townsend já volta a atuar nesta segunda-feira, no encerramento da rodada, por volta das 23h (de Brasília) contra a suíça Belinda Bencic, cabeça 5 do torneio e número 15 do mundo. Bencic venceu o único duelo anterior, disputado ainda em 2019, em Charleston.

Ainda neste domingo, a espanhola Cristina Bucsa venceu a ex-top 10 francesa Kristina Mladenovic por duplo 6/0. Bucsa pode enfrentar a egípcia Mayar Sherif ou a italiana Camila Giorgi.

Já a norte-americana Sloane Stephens, que tem um título de WTA 250 em Guadalajara em 2022, venceu o duelo norte-americano contra Ann Li no último jogo da rodada por 7/5 e 6/4. Stephens enfrenta na segunda rodada a vencedora entre a colombiana Emiliana Arango e a russa Anastasia Potapova.

PUBLICIDADE

VÍDEOS

Bopanna entra para a história do tênis aos 43 anos

A emoção de Hsieh e Mertens com o novo título de Slam

PUBLICIDADE