PLACAR

Pigossi arrasa mais uma e busca primeiro título do ano

Foto: TSA - Tennis South Africa

Pretória (África do Sul) – A paulista Laura Pigossi segue arrasando no segundo W50 seguido que joga em Pretória. Cabeça de chave 1 do torneio, ela passou fácil pelas semifinais, cedendo apenas três games contra a francesa Manon Leonard. Depois de 90 minutos de partida, a número 2 do Brasil garantiu a vitória com o placar de 6/2 e 6/1.

Com a campanha desta semana, Pigossi está subindo provisoriamente três lugares no ranking, alcançando o 120º posto. Se for campeã, ela se aproxima ainda mais da volta ao top 100, subindo para a 115ª colocação. O torneio dá 50 pontos à campeã e 33 para a vice. Aos 29 anos, Pigossi tenta conquistar seu décimo título no circuito.

Sua adversária na final será a belga Hanne Vandewinkel, oitava favorita na competição e atual 315 do mundo, que na outra semifinal desta sexta-feira deixou pelo caminho a tcheca Gabriela Knutson, segunda mais bem cotada ao título e 175ª no ranking da WTA, com uma apertada vitória por 2 sets a 1, definida com o placar final de 7/5, 6/7 (1-7) e 7/6 (7-5), após 3h10 de batalha.

Mais uma vez, a paulistana teve uma grande largada e venceu os cinco primeiros games da partida, com duas quebras consecutivas. A rival francesa tentou reagir e devolveu um dos breaks no sétimo, depois de salvar um set-point, mas logo em seguida acabou perdendo o saque mais uma vez e assim perdeu o set.

Na segunda parcial, Pigossi tratou de encaminhar a vitória desde o começo, abrindo 3/0 de cara. Sacando muito bem, a paulista não deu brechas a Leonard e ainda ampliou a vantagem com nova quebra no sexto game. Apenas na hora de fechar é que a brasileira sofreu um pouco com o serviço, salvando dois break-points antes de converter o quarto match-point que teve a seu favor.

23 Comentários
Oldest
Newest Most Voted
Inline Feedbacks
Ver todos os comentários
Leandro Schulai
Leandro Schulai
1 mês atrás

Bom pra readquirir confiança maaas não faz mto sentido seguir nesses torneios onde sendo campeã ganha só 8 posições.

Marcelo Ikeda
Marcelo Ikeda
1 mês atrás
Responder para  Leandro Schulai

campanha vai ser importante para somar pontos para ser uma das cabeças em Bogotá, onde ela defende muitos pontos.

Viktor Ulyanov
Viktor Ulyanov
1 mês atrás
Responder para  Leandro Schulai

Isso se chama gerenciamento de pontos. Tem duas defesas grandes de pontos se aproximando. Fez o certo em farmar pontos agora para depois arriscar torneios mais fortes. É claro que ela não vai seguir jogando W50 pelo resto da temporada. É só olhar o calendário.

Guilherme ES Ribeiro
Guilherme ES Ribeiro
1 mês atrás

Boa vitória, Com facilidade em uma TOP300. O que mostra que está bem acima desse nível. Muitos criticam, mas o tênis dela é de TOP150. Quando cair um pouco, TOP200, quando acertar uma boa sequência, se aproxima e até pode entrar no TOP100. E torço para isso. É guerreira e trabalhadora.

Paulo A.
Paulo A.
1 mês atrás
Responder para  Guilherme ES Ribeiro

Não há dúvida de que isso irá acontecer. E em breve!

João Ramos
João Ramos
1 mês atrás
Responder para  Paulo A.

Nenhum diferencial, apenas uma medalha de bronze olímpica, coisa trivial e comum, rs, que o Brasil no tênis não conseguiu, mas ela e Luisa Stefani conseguiram!

Andy Schmid
Andy Schmid
1 mês atrás
Responder para  Guilherme ES Ribeiro

Em resumo, uma jogadora sem diferencial nenhum.

João Ramos
João Ramos
1 mês atrás
Responder para  Andy Schmid

Nenhum diferencial, apenas uma medalha de bronze olímpica, coisa trivial e comum, rs, que o Brasil no tênis não conseguiu, mas ela e Luisa Stefani conseguiram!

Haroldo Guimarães
Haroldo Guimarães
1 mês atrás
Responder para  João Ramos

Boa João. Imagina se não tivesse diferencial…

Eduardo
Eduardo
1 mês atrás
Responder para  Guilherme ES Ribeiro

Exato. Tem todos os méritos e deve ser aplaudida. no BR, há vários anos, entre todas as meninas que jogam tênis, há apenas a Bia acima dela. Ainda mais que ela não é um talento natural, consegue os bons resultados na base da dedicação e trabalho.

Evandro
Evandro
1 mês atrás
Responder para  Guilherme ES Ribeiro

Top 300 e que ficou com o vice semana passada, parando apenas na Glushko, que tb tirou a Pigossi!

Paulo A.
Paulo A.
1 mês atrás

E vai pegar uma desgastada adversária e bem menos experiente que ela. Aposto que sairá como o seu 1º título do ano, para infelicidade dos abutres…

Psiquiatra
Psiquiatra
1 mês atrás

Torneio fraquíssimo

Thiago Silva
Thiago Silva
1 mês atrás

Ainda deu sorte que vai pegar uma adversária arrebentada na final.

Jorge Luiz
Jorge Luiz
1 mês atrás

Parabéns Pigossi guerreira,essa não fica dando out dos torneios como fazem uma turma aí do masculino

Marcelo
Marcelo
1 mês atrás

Daqui a pouco ela passa a Haddad Maia no ranking da WTA.

Haroldo Guimarães
Haroldo Guimarães
1 mês atrás

Parabéns Pigossi, nossa medalhista e lutadora. Torço muito. E se comparar somente 2024 em termos de vitórias e derrotas, fez mais que nossos top one Bia e Wild

Bricio Cunha Fagundes
Bricio Cunha Fagundes
1 mês atrás

Eu acredito que o calendário ideal pra Pigossi seja jogar ITFs 50 a 100 nas giras de quadra dura e no saibro subir para WTA 125 e 250. Assim dá pra se manter regularmente próximo ao top100, e eventualmente até furar. Ela não tem golpes contundentes, mas tem um físico privilegiado, boa disciplina tática, baixo histórico de lesões. Dá pra seguir nessa toada por mais uns 5 anos e encerrar com uma carreira bastante decente

Roberto Bruno de Oliveira
Roberto Bruno de Oliveira
1 mês atrás
Responder para  Bricio Cunha Fagundes

ótima análise, guerreira. lutadora, merece muito!!

Ubiratan (Black)
1 mês atrás

Perfeito! falta só a vitória final para completar o objetivo.
Quanto a próxima adversária, entra naquela história de ser mais uma garota que não se sabe qual seu real ranking já que ainda não se estabilizou com o tempo e torneios que vem disputando. Fez a transição em 2022 e daquele fim de ano para cá, pulou dos 600 para 300 no ranking, um grande salto. Só o tempo dirá onde estará até o fim desse ano. Fez jogos rápidos no torneio, menos esta SF contra uma adversária de ranking de momento bem melhor.
Vamos, Pigossi! fechar com chave de ouro.

Evandro
Evandro
1 mês atrás

Só comigo que acontece de dar joinha e vir “você não pode votar nesse comentário” ou “você já votou nesse comentário”? é direto isso. Tipo metade das vezes que voto.

David Mendes
David Mendes
1 mês atrás

Alguns comentários são depreciativos, acredito que nunca jogaram tênis, para falar, tem que ter conhecimento do esporte, pensão que é fácil jogar este esporte, parabens Laurinha, bora lá, tô na torcida pelo título.

Ubiratan (Black)
1 mês atrás
Responder para  David Mendes

Ganhou agora no início da manhã!!

PUBLICIDADE

VÍDEOS

Veja os melhores lances da decisão em Monte Carlo

Medvedev em outro ataque de fúria e desconta na raquete

PUBLICIDADE