PLACAR

Pedro Sakamoto conquista em Belém seu 6º título de ITF

Pedro Sakamoto (Foto: João Pires/Fotojump)

Belém (PA) – O experiente paulista de 31 anos Pedro Sakamoto conquistou o título da etapa de Belém do Brasil Tennis Classic, torneio ITF M15 disputado nas quadras de piso duro da Assembleia Paraense. Principal cabeça de chave e 328º do ranking, Sakamoto venceu neste domingo o norte-americano Alexander Stater, 772º colocado, por 6/4 e 6/1 em 1h37.

Este é o sexto título de Sakamoto no circuito profissional da ITF e o primeiro fora do saibro. Sua conquista mais recente havia sido em outubro do ano passado, em Lajeado, no Rio Grande do Sul. O paulista tem outros nove vice-campeonatos e, no início do ano, chegou a uma final em Tucuman, na Argentina, mas o torneio terminou sem campeão devido aos atrasos por chuva.

“Acho que foi uma ótima semana, estive bem sólido em todos os jogos, fruto do trabalho que venho fazendo com a minha equipe no Rio de Janeiro. Estou me sentindo muito bem e apesar das condições extremas aqui em Belém, consegui me manter até o final graças ao Paulão (Paulo Santos, fisioterapeuta) que me acompanhou essa semana”, disse Sakamoto, que agora segue o ITF M25 Brasil Tennis Classic- etapa de São Paulo, que começa nesta segunda-feira no Esporte Clube Pinheiros.

Os 15 pontos que ganhou pelo título devem colocá-lo na próxima lista da ATP em torno de 310º lugar, como o sexto melhor brasileiro na ATP. Seu recorde pessoal no ranking é a 284ª posição, de fevereiro de 2020. Em prêmios, Sakamoto leva 2.160 dólares. O finalista recebeu US$1.272 e 08 pontos.

No sábado, os cariocas Vitor Leal e Nicolas Oliveira conquistaram o título de duplas depois de vencerem na final o tenista da casa Joaquim Almeida e o mato-grossense Lorenzo Esquici por 6/3, 6/7 (5-7) e 10-7. Pelo título, a dupla campeã ganhou 930 dólares e 15 pontos no ranking da modalidade, enquanto os finalistas ficaram com 540 dólares e 8 pontos da ATP.

O Ano V Brasil Tennis Classic, em Belém, é apresentado pelo Santander, por meio da Lei Federal de Incentivo ao Esporte do Ministério do Esporte. Esta segunda edição conta com o copatrocínio de Santos Brasil, VIVO, EMS Farmacêutica, Zurich Santander Seguros e Previdência Brasil, Alupar, Taesa, Azul Linhas Aéreas – Transportadora Oficial, Stella Artois Pure Gold, INNI Tournament – Bola Oficial, Aberje. Apoio de AppTicket e Federação Paraense de Tênis. Realização: Instituto Sports.O evento aconteceu na Assembleia Paraense e integrou o calendário mundial ITF World Tennis Tour – Masculino.

8 Comentários
Oldest
Newest Most Voted
Inline Feedbacks
Ver todos os comentários
Kario
Kario
11 dias atrás

Parabéns pelo título, Saka! Vc e o Matheus Alves fazendo a alegria dos torcedores brasileiros, já q no futebol o bicho tá pegando. Continua nessa pegada “for the rest of the season”, como dizem.

Refaelov
Refaelov
11 dias atrás

Pelo ranking q está, jamais deveria estar disputando M15 mas, se n estivesse, os BRs q deveriam conseguiriam entregar +1 caneco pro gringo solitário na chave..

João Sawao ando
João Sawao ando
11 dias atrás

Parabéns pedro

Carlos Carcamino
Carlos Carcamino
10 dias atrás

Agora, vê se cria coragem e vá disputar torneios mais graúdos, saia desta mixaria.

Haroldo Guimaraes
Haroldo Guimaraes
10 dias atrás

Em quem disse que nao tem brasileiro dando alegria…Parabens Sakamoto e Alves, vamos brazucas, rumo ao top 300,

Gusmão
Gusmão
10 dias atrás

Parabéns Sakamoto por mais um Título conquistado.

Fez o correto, com ranking atual, tem que pescar em casa em torneios ITF no Brasil, já que não tem Challenger na América do Sul nestas semanas.

Força para o próximo torneio, evita de jogar Duplas. Os 25 pontos é mais importante.

Refaelov
Refaelov
10 dias atrás
Responder para  Gusmão

15 pontos amigo, é um M15..

Gusmão
Gusmão
10 dias atrás
Responder para  Gusmão

Foi bom demais jogar em casa e conquistar 15 pontos vencendo 5 partidas.

Para conquistar acima disso no Challenger da Alemanha por exemplo, que seria dificílimo, teria que vencer 4 jogos, furar o quali e vencer mais 2 na Chave, aí conquistaria 16 pontos suados. Porque jogar lá contra até o Palomero seria difícil pelo apoio da torcida Alemã.

Força Sakamoto.

Próxima semana o ITF M25 em São Paulo a Chave está mais Forte.

PUBLICIDADE

VÍDEOS

Reveja os melhores lances da final masculina de Wimbledon

Momento histórico: Hewett completa o Slam em Wimbledon

PUBLICIDADE