PLACAR

Sakamoto é finalista em Belém, Leal e Oliveira ganham duplas

Vitor Leal e Nicolas Oliveira venceram Joaquim Almeida e Lorenzo Esquici na final (Foto: João Pires)

Belém (PA) – O experiente paulista de 31 anos Pedro Sakamoto será o representante brasileiro na final da etapa de Belém do Brasil Tennis Classic, disputado nas quadras de piso duro da Assembleia Paraense. Principal cabeça de chave e 328º do ranking, Sakamoto venceu o pernambucano José Pereira, 553º colocado, por 6/2, 2/6 e 6/3 em 2h20 de partida neste sábado.

“Cada dia que passa me sinto melhor e mais confiante. Recuperar agora, que hoje não foi fácil e voltar amanhã com um plano de jogo para executar”, disse o paulista, que tem cinco torneios profissionais de nível future, todos no saibro, e tenta vencer um torneio profissional na quadra dura pela primeira vez.

Sakamoto disputará sua 15ª final da carreira e a segunda na temporada. Em fevereiro, ele alcançou a decisão do ITF M25 de Tucuman, na Argentina, mas o torneio terminou sem campeão por conta da chuva.

O torneio em Belém dá 15 pontos na ATP para o campeão, 8 para o vice e 4 para os outros dois semifinalistas. Sakamoto tem como melhor marca da carreira o 284º lugar. O adversário na final marcada para às 10h (de Brasília) deste domingo é o norte-americano Alexander Stater, 772º do ranking, algoz do mato-grossense de 20 anos Lorenzo Esquici por 4/6, 6/2 e 6/2.

Cariocas conquistam o título de duplas

Nas duplas, os cariocas Vitor Leal e Nicolas Oliveira venceram uma final brasileira contra o Lorenzo Esquici e o tenista da casa Joaquim Almeida com parciais de 6/3, 6/7 (5-7) e 10-7. Pelo título, a dupla campeã ganhou 930 dólares e 15 pontos no ranking da modalidade, enquanto os finalistas ficaram com 540 dólares e 8 pontos da ATP.

Embora treinem na mesma academia no Rio de Janeiro, os campeões nunca tinha jogado juntos. Vitor Leal, aos 24 anos já havia batido na trave em outra final de duplas e hoje agradeceu bastante ao parceiro Nicolas Oliveira, de 18 anos, pelo título.

“Com certeza essa semana será inesquecível para mim, meu primeiro título profissional, minha primeira vez aqui e vou lembrar de Belém para sempre”, comentou Oliveira, recém-saído do circuito juvenil. “Sinto que nesse início de profissional a gente joga mais solto, sem pressão e meu tênis vem fluindo melhor dessa maneira”.

A entrada para o torneio é gratuita, mediante resgate de ingressos no site Appticket.com.br.

O Ano V Brasil Tennis Classic, em Belém, é apresentado pelo Santander, por meio da Lei Federal de Incentivo ao Esporte do Ministério do Esporte. Esta segunda edição conta com o copatrocínio de Santos Brasil, VIVO, EMS Farmacêutica, Zurich Santander Seguros e Previdência Brasil, Alupar, Taesa, Azul Linhas Aéreas – Transportadora Oficial, Stella Artois Pure Gold, INNI Tournament – Bola Oficial, Aberje. Apoio de AppTicket e Federação Paraense de Tênis. Realização: Instituto Sports.

O evento acontece na Assembleia Paraense e integra o calendário mundial ITF World Tennis Tour – Masculino.

PUBLICIDADE

VÍDEOS

Fils vence a grande batalha de Hamburgo em cima de Zverev

Veja como Zheng chegou ao bicampeonato em Palermo

PUBLICIDADE