PLACAR

Ostapenko “expulsa” torcedor inconveniente de quadra

Foto: Rhea Nall/USTA

Nova York (EUA) – Uma situação inusitada marcou a partida da letã Jelena Ostapenko pela terceira rodada do US Open. Enfrentando a tenista da casa Bernarda Pera na quadra 17, na última sexta-feira, ela viu um torcedor exagerar durante a partida, reclamou para a arbitragem e o cidadão acabou se retirando ao mesmo tempo que a cabeça de chave 20 gesticulava para ele ir mesmo embora.

“Hoje teve uma situação um pouco maluca, quando um torcedor ficou gritando durante os saques, o que ele não deveria fazer. Mas, sim, sei que isso acontece no tênis, infelizmente. Os torcedores sabem que não é permitido falar no primeiro e no segundo saque, mas alguns deles fazem isso talvez de propósito”, reclamou Ostapenko na entrevista coletiva após a partida.

“Esse torcedor, eu estava vencendo por 4/1 no terceiro set e de repente eu saquei e ele começou a gritar como um louco. Não uma ou duas palavras, acho que duas frases seguidas. Claro, o árbitro de cadeira disse-lhe para ficar quieto”, complementou a campeã de Roland Garros em 2017, que venceu Pera de virada com o placar final de 4/6, 6/3 e 6/3.

Ostapenko também falou sobre as reclamações de outros tenistas do cheiro de maconha no entorno das quadras externas. “Com a maconha é uma coisa normal. Cada partida eu sinto o cheiro. Não é uma surpresa que estejam reclamando”, falou a letã, que nas oitavas de final medirá forças com a polonesa Iga Swiatek, atual campeã do torneio.

“Vou apenas jogar meu jogo e focar mais em mim mesma. Com certeza será uma partida difícil. Por outro lado, não tenho nada a perder e já estou na quarta rodada. Acho que é uma boa conquista, principalmente no final do ano. Vou dar meu melhor. Ela está jogando de forma bastante consistente, ganhando muitas partidas. Não é fácil ser o número 1 porque todo mundo quer te vencer. Tentarei tirar proveito disso”, finalizou.

PUBLICIDADE

VÍDEOS

Toda a comemoração de Alcaraz na conquista de Roland Garros

Jannik Sinner é o 29º homem a liderar o ranking profissional

PUBLICIDADE