PLACAR

Osorio volta a brilhar em casa e busca o bi em Bogotá

Foto: Copa Colsanitas Zurich

Bogotá (Colômbia) – A colombiana Camila Osorio tornou-se a primeira finalista do WTA 250 de Bogotá depois de vencer a italiana Sara Errani na semifinal com parciais de 7/6 (7-4) e 6-4, em jogo que teve 1h51 de duração. Ela vai disputar uma decisão na WTA pela quarta vez na carreira, a segunda dentro de casa, onde conquistou o único título da carreira até então, em 2021.

“É uma bênção estar nesta fase, estar na final, tenho feito as coisas bem e agradeço a Deus por me dar a oportunidade de jogar mais uma final aqui, em casa, com meu povo, com minha família, com meus amigos. Eu me diverti muito com todo aquele público, me diverti muito e aproveitei muito a companhia deles, então estou muito animada”, disse Camila na entrevista coletiva.

Na final de domingo, Osorio medirá forças com a tcheca Marie Bouzkova, principal favorita ao título, que na outra semifinal levou a melhor sobre a russa Kamilla Rakhimova, cabeça de chave número 8, com uma vitória também em sets diretos, fechando o jogo com o placar final de 6/4 e 7/6 (7-2), depois de 2h14 de embate.

Errani começou a partida a todo vapor e rapidamente fez 4/0, mas a tenista da casa reagiu e venceu cinco dos seis games seguintes para empatar o placar. A definição do primeiro set foi para o tiebreak, em que Osorio foi superior e assim acabou largando na frente.

O início da segunda parcial foi marcado por sucessivas quebras, foram quatro nos primeiros seis games, duas para cada lado. Osorio deu um passo importante para a vitória ao bater o saque da rival italiana, que havia vencido os dois duelos anteriores entre elas, ao anotar novo break no nono game, confirmando o saque em seguida para garantir sua primeira vitória em três jogos contra Errani.

 

2 Comentários
Oldest
Newest Most Voted
Inline Feedbacks
Ver todos os comentários
Márcio
Márcio
1 mês atrás

Vamoooooo, Camila!!

João Sawao ando
João Sawao ando
1 mês atrás

Torcendo pela camila

PUBLICIDADE

VÍDEOS

Agassi recorda trajetória de drama e sucesso em Roland Garros

Os melhores lances de Iga Swiatek rumo ao tri no Foro Italico

PUBLICIDADE