PLACAR

“Nunca considero as coisas garantidas”, afirma Sinner

Foto: Katelyn Mulcahy/BNP Paribas Open

Indian Wells (EUA) – Invicto até então na temporada, Jannik Sinner vem fazendo um dos melhores começos de ano dos últimos tempos, com 15 vitórias seguidas, a última delas na terça-feira contra o norte-americano Ben Shelton, que lhe garantiu nas quartas de final no Masters 1000 de Indian Wells. O italiano acredita que o segredo do bom momento é manter os pés no chão.

“Nunca considero as coisas garantidas. Quero dizer, em cada torneio, em cada partida, você entra em quadra tentando dar o seu melhor, tentando manter o foco mental. É isso que busco fazer. Todos os dias há um adversário diferente. Hoje não foi apenas um adversário diferente, mas um canhoto que está sacando incrivelmente bem”, comentou Sinner.

O italiano destacou a importância de vencer o primeiro set para depois deslanchar e fechar o jogo com 7/6 (7-4) e 6/1. “Acho que foram muitos pontos importantes, especialmente no primeiro set. Mesmo antes do tiebreak tive que salvar alguns break-points logo no início. Mas saiu feliz com o primeiro set, como reagi. Agora vamos ver o que vem na próxima rodada”.

Nas quartas de final, Sinner medirá forças com o tcheco Jiri Lehecka, que deixou pelo caminho rivais do calibre de Stefanos Tsitsipas e Andrey Rublev. “Estou ansioso por esse tipo de desafio. Nos enfrentamos pela última vez há cinco anos em algum lugar, eu nem me lembro, só sei porque me contaram. E então vemos o que vai acontecer”, disse o italiano.

“Ele está jogando incrivelmente bem. Tenho que estar muito focado desde o primeiro ponto e espero poder mostrar um bom tênis”, complementou Sinner, que bateu Lehecka na única vez que se cruzaram, no challenger de Ostrava em 2019.

Ainda com 22 anos, o italiano acredita que tem muito trabalho pela frente e pode seguir melhorando. “Quando você é jovem é muito mais fácil melhorar. Fisicamente você cresce se trabalha muito na academia. Também posso servir mais rápido e ser mais consistente com o saque”, comentou Sinner, que pode sair de Indian Wells na vice-liderança do ranking.

PUBLICIDADE

VÍDEOS

Veja os melhores lances da decisão em Monte Carlo

Medvedev em outro ataque de fúria e desconta na raquete

PUBLICIDADE