PLACAR

Número 1 de duplas, Storm Hunter garante vaga no Australian Open

Storm Hunter (Foto: Jay Town/Tennis Australia)

Melbourne (Austrália) – Número 1 no ranking entre as jogadoras especialistas em duplas, Storm Hunter teve na última semana o desafio de jogar o quali de simples do Australian Open. Atuando em casa e com apoio da torcida, a jogadora de 29 anos e 179ª do mundo em simples fez bonito e conseguiu passar pelas três rodadas para garantir vaga na chave principal em Melbourne.

Hunter superou nesta sexta-feira a tcheca de 19 anos Dominika Salkova, 218ª do ranking, por 3/6, 6/3 e 6/4 pela rodada final do quali. Antes disso, ela havia passado pela suíça Celine Naef por 6/3 e 7/6 (7-4) e pela estoniana Kaia Kanepi por 6/3 e 6/2. Elas estavam no setor da chave da brasileira Laura Pigossi, superada na estreia pela uzbeque Nigina Abduraimova em três sets.

Esta será a sexta participação de Hunter na chave principal de simples do Australian Open e a terceira seguida. Ela ainda busca uma vitória inédita. Em Grand Slam, venceu apenas um jogo, no saibro de Roland Garros no ano passado. Sua próxima adversária será a italiana Sara Errani. Se vencer, pode enfrentar a alemã Laura Siegemund ou a russa Ekaterina Alexandrova.

A vaga de Hunter foi a única para uma australiana no quali em Melbourne. Outras quatro jogadoras do país caíram na rodada final, disputada nesta sexta-feira. Duas delas, diante das principais favoritas, Maya Joint foi superada pela ucraniana Dayana Yastremska, cabeça 1, por 6/2, 1/6 e 6/4. Já Destanee Aiava caiu diante da mexicana Renata Zarazua, segunda cabeça de chave, por 6/7 (5-7), 6/3 e 6/4. Zarazua enfrenta a italiana Martina Trevisan, enquanto Yastremska encara a tcheca Marketa Vondrousova, atual campeã de Wimbledon.

Ainda nesta sexta-feira, Maddison Inglis perdeu da ucraniana Daria Snigur por 6/2, 5/7 e 6/3, enquanto Priscilla Hon caiu diante da russa de 20 anos Maria Timofeeva por 6/2, 4/6 e 6/1. Timofeeva enfrentará a francesa Alizé Cornet, enquanto Snigur estreia contra a norte-americana Alycia Parks.

Já a argentina de 21 anos Julia Riera, 123ª do ranking e única sul-americana a ter alcançado a rodada final do quali, perdeu para a norte-americana Katie Volynets, 103ª do mundo, por 3/6, 7/6 (7-4) e 7/5. Volynets encara a russa Anna Kalinskaya.

Leia mais:

Nova geração feminina mostra força no quali em Melbourne

PUBLICIDADE

VÍDEOS

Karlovic oficializa aposentadoria e recebe homenagem da ATP

O melhor duelo entre Djokovic e Murray? Reveja Qatar em 2017

PUBLICIDADE