PLACAR

Melo e Matos viram em duelo de três tiebreaks e vão às oitavas

Foto: Faberg

Londres (Inglaterra) – O sábado começou favorável para os brasileiros em Wimbledon, com vitória do mineiro Marcelo Melo e do gaúcho Rafael Matos na chave de duplas. Em jogo iniciado no dia anterior e paralisado por chuva, eles levaram a melhor sobre colombiano Nicolas Barrientos e o português Francisco Cabral de virada, com três tiebreaks e placar final de 6/7 (1-7), 7/6 (7-5) e 7/6 (10-3).

Depois de completar a virada, com 2h49 de disputa nos dois dias, Melo e Matos terão pela frente o finlandês Harri Heliovaara e o britânico Henry Patten, que um dia antes bateram os espanhóis Pedro Martinez e Jaume Munar por 7/6 (7-5) e 6/3, garantindo assim a vaga nas oitavas de final no All England Club.

A partida foi equilibradíssima e as duas duplas estavam afiadas no saque, tanto que não houve uma quebra sequer nos três sets. Melo e Matos venceram 72% dos pontos de serviço, salvando quatro break-points no decorrer do jogo, enquanto Barrientos e Cabral tiveram 75% de aproveitamento e cederam duas chances de quebra, evitando ambas.

Ex-parceiros de Matos, o colombiano e o português saíram na frente e levaram a melhor no primeiro dos três tiebreaks, dominando as ações na parcial inicial, com imponente 7-1 no desempate. O mineiro e o gaúcho deram o troco no tiebreak do segundo set, no qual largaram com um mini-break contra, mas depois arrancaram para o empate, fechando no terceiro set-point.

No terceiro e último desempate, este indo até 10, Melo e Matos foram quase impecáveis. Depois de perder o primeiro ponto, no saque dos rivais, eles venceram nove seguidos e garantiram oito match-points. Barrientos e Cabral até salvaram os dois primeiros, mas no terceiro acabaram sucumbindo e foram eliminados pela parceria brasileira.

Subscribe
Notificar
guest
1 Comentário
Oldest
Newest Most Voted
Inline Feedbacks
Ver todos os comentários
André
André
6 dias atrás

Oitavas mesmo sem muito entrosamento é um excelente resultado. Matos não é bobo na grama e Melo tem uma taça de Wimbledon em casa.

PUBLICIDADE

VÍDEOS

Wimbledon seleciona os melhores backhands de 1 mão

Os históricos duelos entre Serena e Venus em Wimbledon

PUBLICIDADE