PLACAR

Meligeni joga challenger belga antes da Davis e desafia Coric

Foto: João Pires/Fotojump

Lovaina (Bélgica) – Convocado para defender o Brasil no confronto contra a Suécia pela Copa Davis em fevereiro, Felipe Meligeni busca adaptação às quadras duras e cobertas. O paulista de 25 anos e 150º do ranking disputará o challenger de Lovaina, na Bélgica.

Meligeni foi sorteado para estrear contra o croata Borna Coric, principal cabeça de chave do torneio e 40º do mundo, em confronto inédito no circuito. Em caso de vitória, o atual número 3 do Brasil pode enfrentar o polonês Kamil Majchrzak ou um tenista vindo do quali.

No mesmo quadrante está o belga David Goffin, cabeça 5, que enfrenta o compatriota Zizou Bergs. Quem vencer encara o italiano Franco Agamenone ou o jordaniano Abdullah Shelbayh.

Nas duplas, Meligeni jogará ao lado do gaúcho Rafael Matos, dando mais um indicativo de que esta será a dupla brasileira na Davis. Eles estreiam contra o francês Jonathan Eysseric e o norte-americano Evan King.

Quem também atua pelo torneio é Fernando Romboli, jogando ao lado do espanhol David Vega. A estreia será contra os holandeses Sander Arends e Sem Verbeek. Romboli e Vega têm um título de ATP juntos, no saibro de Umag em 2022.

7 Comentários
Oldest
Newest Most Voted
Inline Feedbacks
Ver todos os comentários
Refaelov
Refaelov
1 mês atrás

N aproveitou o bom sorteio de semana passada, de repente se sai melhor agora com um sorteio mais duro.. se o problema dos BRs é a “pressão do favoritismo” dessa vez ela será inexistente..

Andre Borges
Andre Borges
1 mês atrás

Caraca mas que chave miserável….

Guilherme ES Ribeiro
Guilherme ES Ribeiro
1 mês atrás
Responder para  Andre Borges

Isso que chamo de azar. Bora tentar surpreender

Calebe Paes
Calebe Paes
1 mês atrás

Mesmo sendo cabeça de chave 1, Coric vem de maus resultados, pode dar muito bom

Guilherme ES Ribeiro
Guilherme ES Ribeiro
1 mês atrás
Responder para  Calebe Paes

Se o Meligeni vencer, seria sua maior vitória na carreira. Até hoje sua maior vitória foi contra Luca Van Assche, nº86 do mundo, ano passado, no quali do Master de Madrid

Calebe Paes
Calebe Paes
1 mês atrás
Responder para  Guilherme ES Ribeiro

Acredito que ele tenha chances e seria muito bom para ele aumentar a confiança.

Marcelo Scotton
Marcelo Scotton
1 mês atrás

Valeu a participação!

PUBLICIDADE

VÍDEOS

Karlovic oficializa aposentadoria e recebe homenagem da ATP

O melhor duelo entre Djokovic e Murray? Reveja Qatar em 2017

PUBLICIDADE