PLACAR

Mateus Alves mantém embalo e avança em São Leopoldo

Mateus Alves. (Foto: Beatriz Costa)

São Leopoldo (RS) – Vindo de três boas semanas em torneios de nível ITF no Brasil, com semifinais em Recife e Feira de Santana e um vice em Maceió, Mateus Alves voltou aos challengers com uma vitória na estreia em São Leopoldo. O paulista de 23 anos e 381º do ranking venceu o argentino Renzo Olivo, 264º colocado, por duplo 6/3 em 1h28 de partida nesta segunda-feira.

Alves está com o melhor ranking da carreira e ainda tem a receber os pontos dos dois últimos torneios que disputou, além do que ele somar nesta semana em São Leopoldo. Por enquanto, ele está ganhando mais seis posições, mas o ranking só será atualizado na semana que vem, após o Masters 1000 de Miami.

Existe a possibilidade de um duelo entre brasileiros nas oitavas. Isso porque Alves pode enfrentar o também paulista Felipe Meligeni, cabeça 4 do torneio e 134º do mundo, ou japonês vindo do quali Kaichi Uchida, 551º colocado. Ele perdeu os dois jogos que fez contra Meligeni em 2019 e ainda não enfrentou Uchida.

+ Clique aqui e siga o Canal do TenisBrasil no whatsapp

Outro brasileiro em quadra nesta segunda-feira foi o pernambucano João Lucas Reis, de 23 anos e 324º do ranking, que perdeu para o português Gonçalo Oliveira, cabeça 8 do torneio e 224º colocado, por 7/5 e 6/3. Reis está sem vencer desde janeiro, quando foi semifinalista do challenger de Buenos Aires e caiu na estreia dos últimos sete torneios que disputou. Seu algoz pode enfrentar o paulista Daniel Dutra da Silva ou o italiano Gianluca Mager.

A terça-feira terá mais estreias brasileiras. Cabeça de chave 2, o cearense Thiago Monteiro enfrenta o gaúcho Orlando Luz. Quem vencer pode enfrentar o paulista Pedro Sakamoto ou o norte-americano filho de brasileiros Bruno Kuzuhara, que veio do quali. Já o também paulista Matheus Pucinelli reencontra o francês Geoffrey Blancaneaux, cabeça 7 do torneio. Pucinelli venceu os três duelos entre eles, um deles na semana passada em Assunção.

Três brasileiros caem na rodada final do quali
A rodada final do quali teve três brasileiros em quadra, mas nenhum conseguiu entrar na chave. O catarinense Pedro Boscardin foi eliminado pelo equatoriano Emilio Gomez por 7/6 (7-3) e 7/5. O paulista Nicolas Zanellato caiu diante do argentino Juan Bautista Torres por 6/3 e 6/4. Já o carioca Wilson Leite perdeu por 6/3 e 6/0 do israelense Daniel Cukierman.

4 Comentários
Oldest
Newest Most Voted
Inline Feedbacks
Ver todos os comentários
Guilherme do ES Ribeiro
Guilherme do ES Ribeiro
24 dias atrás

A fase do Reis é algo assustador. Já o Mateus estreou com boa vitória sobre o experiente Olivo.

Matheus Ferreira
Matheus Ferreira
24 dias atrás

Boa vitória do Alves, agora o Reis vêm numa fase tenebrosa!!!!

Jorge Luiz
24 dias atrás

Alves vem bem, Reis e Boscardin terríveis

trackback

[…] do ranking, com parciais de 3/6, 6/3 e 7/6 (7-3) em 2h38 de partida. Mager enfrenta o português Gonçalo Oliveira, cabeça 8 do torneio e algoz do pernambucano João Lucas Reis na última segunda-feira, por 7/5 e […]

PUBLICIDADE

VÍDEOS

Veja como foi a espetacular vitória de Fonseca sobre Sonego

Nadal pode ter feito seu último jogo oficial em Barcelona

PUBLICIDADE