PLACAR

Letícia Vidal garante vaga em Floripa, Carol estreia terça

Letícia Vidal (Foto: Luiz Cândido/CBT)

Florianópolis (SC) – As duas brasileiras que atuaram na rodada final do quali do Engie Open tiveram rumos opostos na rodada desta segunda-feira. A paulista Letícia Vidal garantiu vaga na chave principal do ITF W75 disputado nas quadras de saibro do Lagoa Iate Clube (LIC), em Florianópolis, enquanto a paranaense Geórgia Gulin se despediu da competição.

Letícia Vidal venceu a portuguesa Ana Filipa Santos por 6/2, 2/6 e 6/0. A paulista de 27 anos ficou afastada das competições profissionais do circuito entre 2014 e 2022, e recentemente, na Argentina, jogou a primeira semifinal em 11 anos. Atualmente no 1.024º lugar do ranking, ela já garante 3 pontos por ter furado o quali e pode ganhar mais 9 se vencer mais uma.

A adversária de Letícia na estreia da chave principal será outra brasileira. Ela enfrenta a gaúcha Gabriela Cé, canhota de 31 anos e 449ª do ranking. Cé venceu os três duelos anteriores entre elas, disputados entre 2012 e 2013. O reencontro acontece nesta terça-feira, por volta de 13h (de Brasília).

Por sua vez, Geórgia Gulin foi superada pela russa Maria Kononova por 6/2 e 6/0. Já pela chave principal, as duas primeiras brasileiras a estrear foram as paulistas Ana Candiotto e Camilla Bossi, que também se despediram. Candiotto, de 19 anos e 577ª do ranking, sofreu 6/1 e 6/3 da norte-americana Madison Sieg, 337ª colocada. Já Bossi, 1.083ª do mundo, caiu diante da argentina Solana Sierra, 179ª do mundo e cabeça 3, por 6/1, 2/6 e 6/1.

+ Clique aqui e siga o Canal do TenisBrasil no WhatsApp

Outras três brasileiras têm jogos marcados para esta terça, no complemento da primeira rodada de simples. Destaque para a paulista Carol Meligeni, que enfrenta a norte-americana Raveena Kingsley às 16h. Mais cedo, às 10h, a paulista Julia Konishi desafia a francesa Selena Janicijevic. Já a brasiliense Luiza Fullana atua na quadra 1 contra argentina Julieta Estable.

Nas duplas, a fluminense Rebeca Pereira e sua parceira sérvia Katarina Jokic venceram Camilla Bossi e Letícia Vidal por 4/6, 6/2 e 10-2. Elas enfrentam a peruana Romina Ccuno e australiana Kaylah Mcphee, cabeças 3. Já Ana Candiotto e a italiana Miriana Tona estreiam na terça contra as norte-americanas Jaeda Daniel e Madison Sieg.

10 Comentários
Oldest
Newest Most Voted
Inline Feedbacks
Ver todos os comentários
Paulo Jamelli Lara
Paulo Jamelli Lara
12 dias atrás

boa noite. mas é isso mesmo? hoje as brasileirad em quadra pela chave principal (simples e duplas) perderam todas as 6 partidas que disputaram? que tristeza meu povo. jogando em casa… esse zum zum zum que o tênis brasileiro está melhor é real? e qual a perspectiva do torneio? temos que torcer pela esforçada Letícia Vidal. muito linda por sinal. boa noite.

Bricio Cunha Fagundes
Bricio Cunha Fagundes
12 dias atrás
Responder para  Paulo Jamelli Lara

Você viu a diferença de ranking entre as jogadoras nas partidas? Sua surpresa é de quem não acompanha o circuito. Nessa semana Bia e Laura estão jogando torneios maiores, e a Carol e a Cé são as única brasileiras que entraram direto pelo ranking nesse torneio, e não são cabeças de chave. As demais entraram por convite ou quali. Se você tá esperando título brasileiro nesse torneio, então tá bastante por fora

Fernando S P
Fernando S P
11 dias atrás
Responder para  Bricio Cunha Fagundes

Sim, sempre vai aparecer alguém que não acompanha o circuito e não presta atenção nos rankings escrevendo “bobagens”. A única coisa sensata que ele escreveu foi sobre a beleza da moça.

Leandro Meneoli
Leandro Meneoli
12 dias atrás
Responder para  Paulo Jamelli Lara

Masculino ainda vem conseguindo alguns resultados no Brasil e com algumas esperanças de dias melhores. No feminino ainda não.

Blumenau
Blumenau
11 dias atrás
Responder para  Paulo Jamelli Lara

Concordo contigo, muito linda mesmo.

Thiago
Thiago
11 dias atrás
Responder para  Paulo Jamelli Lara

Amigo, tênis não é futebol. Esporte de muitos pontos, vence o melhor. Não tem espaço pra zebra, retranca, vaia da torcida. Muda quase nada jogar em casa – até porque o público é baixíssimo nesses torneios, via de regra.

Haroldo Guimarães
Haroldo Guimarães
11 dias atrás

Esperava mais da Gulim e da Fullana. Agora essa Letícia vamos ver, é o Sell feminino? A Gabriela Cé que se cuide.

Thiago
Thiago
11 dias atrás
Responder para  Haroldo Guimarães

Pelo que entendi, a Fullana não jogou ainda.

Evandro
Evandro
11 dias atrás

Alguns sites estão dando esses jogos de ITF W no Brasil como sendo em Aparecida de Goiânia. Sabem se a licença mudou de 2023 pra agora?

trackback

[…] A vitória na estreia rende 9 pontos na WTA para Carol Meligeni e Gabriela Cé. Elas podem ganhar 16 pontos se forem às quartas. Já Letícia Vidal, 994ª do ranking, soma três pontos por ter furado o quali. […]

PUBLICIDADE

VÍDEOS

Veja os melhores lances da rápida final masculina de Miami

Collins segura os nervos e bate Rybakina: veja o melhor da final

PUBLICIDADE