PLACAR

Iga vence fácil e reencontra Wozniacki nas quartas

Foto: BNP Paribas Open

Indian Wells (EUA) – A caminhada de Iga Swiatek no WTA 1000 de Indian Wells segue com vitórias muito tranquilas. Depois de ceder três games na estreia contra Danielle Collins e mais quatro diante de Linda Noskova em seu segundo jogo, a número 1 do mundo foi novamente dominante e fez 6/1 e 6/2 em apenas 1h10 contra a cazaque Yulia Putintseva, 79ª do ranking.

Campeã de Indian Wells em 2022 e semifinalista no ano passado, Swiatek chega pela terceira vez seguida às quartas. A polonesa de 22 anos tem 17 vitórias e apenas duas derrotas na atual temporada do circuito. Ela conquistou o primeiro WTA 1000 do ano em Doha e foi semifinalista em Dubai.

A adversária de Swiatek será a ex-líder do ranking Caroline Wozniacki, também campeã de Indian Wells em 2011 e vice em outras duas oportunidades. A dinamarquesa de 33 anos ficou três temporadas e meia fora do circuito, entre o Australian Open de 2020 e agosto do ano passado. Mãe de duas crianças, Wozniacki faz grande campanha com quatro vitórias e superou nesta terça a alemã Angelique Kerber, outra ex-número 1, por 6/4 e 6/2.

Iga já foi ‘boleira’ para Wozniacki na infância
As duas jogadoras se enfrentaram apenas uma vez, em 2019, com vitória da polonesa no Canadá. Mas a relação entre elas é ainda mais duradoura. Admiradora de Wozniacki quando criança, Swiatek teve a oportunidade de ser pegadora de bolas num jogo da dinamarquesa em torneio da WTA na Polônia. Ela relatou a experiência em 2022 em seu blog para a BBC.

“Lembro de pedir autógrafos em um torneio da WTA em Varsóvia, quando eu era criança. Ainda tenho todos guardados em casa. Fui pegadora de bola em uma partida de Caroline Wozniacki, e foi legal porque ela é filha de poloneses e era uma das melhores jogadoras do mundo. Lembro-me de jogar a bola para ela. Foi muito emocionante. Nunca tinha estado num evento esportivo como aquele e ver as melhores jogadoras de perto foi incrível”, relembrou a polonesa.

Já Putintseva, que foi eliminada nas oitavas, bateu duas tenistas do top 20 no torneio, a russa Ekaterina Alexandrova (16ª do ranking) e a norte-americana Madison Keys (20ª). A cazaque de 29 anos tentava alcançar as quartas de um WTA 1000 pela terceira vez e repetir as campanhas feitas no saibro de Roma em 2020 e no piso duro de Toronto em 2022.

Mais uma vitória em sets diretos


Durante a rápida partida desta terça-feira, Swiatek precisou de alguns games para se adaptar melhor às condições. Era o seu primeiro jogo noturno no torneio e o piso fica mais lento, além de ter que lidar com o vento em quadra. A número 1 do mundo salvou quatro break-points logo em seu segundo game de serviço, mas depois já estabeleceu o domínio da partida. Conseguiu duas quebras e fez dois games de saque de zero para fechar o primeiro set.

No começo do segundo set, a polonesa abriu 3/0 com duas quebras de vantagem. Desesperada, Putintseva tentou sacar por baixo e até ficar se mexendo durante o movimento de saque da polonesa, o que rendeu uma advertência do árbitro de cadeira. A cazaque chegou a diminuir a diferença para 4/2, mas Swiatek voltou a quebrar depois de uma curtinha mal executada pela rival e definiu a partida em sets diretos. A polonesa liderou a contagem de winners por 17 a 4 e cometeu 19 erros contra 22 da rival. Ela quebrou seis vezes em 14 chances e perdeu só dois games de saque, ambos no segundo set.

4 Comentários
Oldest
Newest Most Voted
Inline Feedbacks
Ver todos os comentários
João Sawao ando
João Sawao ando
1 mês atrás

Caroline vai ganhar

Sérgio Ribeiro
Sérgio Ribeiro
1 mês atrás
Responder para  João Sawao ando

Vai sim , caro ando . Mais experiência rs . Abs!

Luis Ricardo
Luis Ricardo
1 mês atrás
Responder para  João Sawao ando

“SIM” a passagem de retorno a casa….rs

trackback

[…] disse Swiatek, durante a entrevista em quadra. Desde a confirmação do confronto, ela sempre reiterou sua admiração por Wozniacki, campeã de Indian Wells em 2011. Foi o segundo duelo entre elas, sendo que o primeiro aconteceu […]

PUBLICIDADE

VÍDEOS

Veja como foi a espetacular vitória de Fonseca sobre Sonego

Nadal pode ter feito seu último jogo oficial em Barcelona

PUBLICIDADE