PLACAR

Iga mira Jogos de Paris e não pretende se poupar até lá

Foto: Jimmie48

Indian Wells (EUA) – Cada vez mais os principais nomes do circuito tentam reduzir suas agendas de torneios, mas para a polonesa Iga Swiatek a ideia não é essa. A número 1 do mundo afirmou que ainda está em uma fase em que pretende jogar o máximo possível e que não vai faltar nos principais eventos e pretende estar na melhor forma para as Olimpíadas de Paris em 2024.

“Talvez no futuro seja mais inteligente se tornar esse tipo de jogadora que perde alguns torneios, mas se concentra realmente nos importantes, programando seu calendário de uma forma que você não tenha pressa para ganhar pontos ou algo assim”, disse a polonesa de 22 anos antes de sua estreia no WTA 1000 de Indian Wells.

“Alguns dos melhores jogadores, os mais velhos e mais experientes, costumam seguir neste caminho, mas ainda estou meio que a pensar nisso. Ainda estou nesta fase em que quero jogar de tudo. Principalmente os torneios onde sei que me sinto confortável”, acrescentou Swiatek, que nesta sexta-feira enfrentará a norte-americana Danielle Collins.

Derrotada pela espanhola Paula Badosa na segunda rodada nos Jogos de Tóquio, em sua estreia olímpica, Iga espera fazer melhor em Paris. “Antes das Olimpíadas, seria difícil decidir alguns torneios para perder apenas para me manter revigorada e ter o tempo adequado para a recuperação. Então, veremos, mas se for necessário, podemos fazer isso”, comentou.

“Com certeza quero estar pronta para as Olimpíadas, é um torneio importante. Por outro lado, há muitas chances no tênis. Adoraria ter um bom desempenho lá, mas estou tentando não colocar muita pressão sobre mim mesma”, acrescentou a líder do ranking.

PUBLICIDADE

VÍDEOS

Veja os melhores lances da rápida final masculina de Miami

Collins segura os nervos e bate Rybakina: veja o melhor da final

PUBLICIDADE