PLACAR

Heide busca primeiro challenger em final brasileira

Gustavo Heide (Foto: Fotojump)

Assunção (Paraguai) – O jovem tênis brasileiro dominou as semifinais do challenger de US$ 82 mil que acontece sobre o saibro paraguaio. Neste sábado, o paulista Gustavo Heide superou com folga o cabeça 1 da semana, o peruano Juan Pablo Varillas, por 6/4 e 6/2, e com isso irá decidir o título contra o adolescente carioca João Fonseca.

Assim como seu jovem adversário, Heide também busca o primeiro troféu de nível challenger. No ano passado, ele chegou na decisão do torneio de Bogotá, mas teve um problema físico e sequer entrou em quadra para enfrentar o argentina Thiago Tirante.

Aos 22 anos, Heide tem seis títulos de nível ITF na carreira, sendo três de US$ 15 mil obtidos em 2021, dois de US$ 25 mil na temporada seguinte e o mais recente no ano passado, em Trujillo.

+ Clique aqui e siga o Canal do TenisBrasil no WhatsApp

Os 45 pontos já somados devem levar Heide para perto do 190º posto quando a nova lista for atualizada, dentro de oito dias. Será certamente sua mais alta classificação, já que ocupa no momento o 225º lugar. Em caso de título neste domingo, ele pode se aproximar do 175º. De qualquer forma, a vaga no qualificatório de Roland Garros está muito próxima.

No único duelo entre os brasileiros, Heide venceu Fonseca em novembro de 2022 na segunda rodada do M25 de Lajeado.

Fonseca bate 161º do mundo e faz primeira final

 

28 Comentários
Oldest
Newest Most Voted
Inline Feedbacks
Ver todos os comentários
Alexandre
Alexandre
24 dias atrás

Tem Bola pra top 100

Refaelov
Refaelov
24 dias atrás

Chocante a imposição do Heide nesse jogo, eu acreditava numa vitória mas, n com essa imposição..

Bacana demais essa final BR com o Fonseca, obvio q o Carioca é um talento ímpar e terá um futuro brilhante mas, nessa semana, n vejo ele apresentando a consistência do Heide..

Thiago
Thiago
24 dias atrás

Sensacional! Que sábado para o tênis masculino brasileiro. 3 “azarões”, 3 vitórias!

Vai ser uma final bem interessante. Qualquer um que ganhe, a vitória é do tênis nacional!

Marcos Antonio Vargas Pereira
Marcos Antonio Vargas Pereira
24 dias atrás
Responder para  Thiago

Fora a final de maceio

Matheus Ferreira
Matheus Ferreira
24 dias atrás

Nossa! Que lindo de ver,os brasileiros derrubando os cabeças 1 e 2, fazendo assim uma final 100% brasileira no Paraguai, será título inédito pra qualquer um, então, que vença o melhor!!!

Rogério
Rogério
24 dias atrás

Nossa Heide, como vc jogou! Parabéns! Mandou ver no saque! Wild, Fonseca e Heide em ascensão.

Flavio
Flavio
24 dias atrás

Como diria o finado Paulo Lara …… “brazilian storm” na área !

Eu queria ser como o Dalcim
Eu queria ser como o Dalcim
24 dias atrás
Responder para  Flavio

Ele morreu mesmo? uma pena

Rafael
Rafael
24 dias atrás
Responder para  Flavio

Puxa que pena esse merecia muito ver tudo o que o tênis brasileiro vem apresentando

João Sawao ando
João Sawao ando
24 dias atrás

Torcendo para o meu xara

Albert
Albert
24 dias atrás

Um sabado fantástico pro tenis brasileiro. Vitorias incríveis. Deve ser o tal do Brazilian Storm q tanto falavam. Brasileiros nas finais de Assunção e no ITF de Maceio (onde os campeões de duplas tb sao brasileiros. Pra fechar com chave de ouro, falta a Luisa nas duplas, e a Bia. Boa sorte.

Albert
Albert
24 dias atrás
Responder para  Albert

E o Wild, claro.

Gusmão
Gusmão
24 dias atrás
Responder para  Albert

No Juvenil também Força Brasileiros.
Victor de Lima consagrou Campeão no ITF J100 na Argentina.

Albert
Albert
24 dias atrás
Responder para  Gusmão

Eu vi há pouco. Victor Winheski, é esse? 16 anos? Pois é, pena q as meninas não fecharam o dia como queríamos. Mas tá bom.

Haroldo Guimaraes
Haroldo Guimaraes
24 dias atrás

Que maravilha essa final brasileira, e pra desespero dos haters, outra final brasileira em simples e duplas no M25 de Maceio, soh faltam as meninas Bia hj e Carol amanha. Parabens Heide

CHUPA NEGA!!!!
CHUPA NEGA!!!!
24 dias atrás

Cadê o “triturador” Varillas??? Viu nem a cor da bola.

Segura o brazilian storm!!!!

Carlos Eduardo Siqueira
Carlos Eduardo Siqueira
24 dias atrás
Responder para  CHUPA NEGA!!!!

Ele deve ter infartado hoje.

Jorge Luiz
24 dias atrás

Grande Heide, evoluindo a cada semana, ótima final amanhã

Guilherme do ES Ribeiro
Guilherme do ES Ribeiro
24 dias atrás

Cara, que vitória. A maior da carreira. Sua primeira contra um TOP 100 valendo pontos ( já venceu o Tabilo nos Jogos Sulamericanos). Sua 2° final de Challenger. E uma final brasileira. Estreará no TOP 200. Fantástico

Leandro Heck
Leandro Heck
24 dias atrás

O de está o carrasco dos brasileiros?Heide muito consistente e Fonseca e uma fonte abundante..

Gusmão
Gusmão
24 dias atrás

Força Brasileiros.
Campeão e Vice, Brasillllllllll.

Leonel
Leonel
24 dias atrás

Fonseca sai como o maior vencedor mesmo que não leve o título. Superou o Luz quando teve uma brecha do adversário e foi lá , cresceu e venceu. Contra o Burruchaga TB caminhava pra derrota e o garoto cresceu/renasceu e virou, se impôs. Vinha de jogos perdidos em 1as rodadas dos torneios pós Rio. Aquilo já tava incomodando. Parabéns. Heide já garantido em Roland Garros. Pena que esse caneco é tão importante para os dois. Sinceramente pra mim QQ um que ganhar será de grande alegria.

Leonel
Leonel
24 dias atrás

Inacreditável. Vi o jogo da Bia contra a Bouter. Nem sombra do que sabe jogar. Único conforto para os torcedores que agora os meninos resolveram jogar e estão dominando a mídia (Wild/Fonseca//Heide). Bora ser feliz. Outra grata surpresa é o nível que o Luz tá mantendo nos jogos. Vai subir bem no ranking seguindo essa pegadA.

Cacio Luiz Crozariolo
Cacio Luiz Crozariolo
24 dias atrás
Responder para  Leonel

Cara, tomara que essa derrota não coloque ele numa espiral negativa. Vem em evolução e as vezes a cabeça não prega peça. Em sua entrevista ele falou sobre isso. Virar a página e seguir evoluindo.

André Borges
André Borges
24 dias atrás

Mas eu tinha entendido que era tudo fregues do Varillas e do Dellien.

Leo
Leo
24 dias atrás

Teremos um campeão.

Thiago
Thiago
24 dias atrás

Eu acho que o Heide leva. Fonseca super desgastado e longe da pegada do Rio Open. Heide voando, passou o trator geral. Hora de testar o mental. Mas pelo que vimos até aqui, acho que é do Heide. E se for, será merecedíssimo.

Luiz Neto
Luiz Neto
24 dias atrás
Responder para  Thiago

Também acho. Eu apostaria no Heide nessa final brasileira.

PUBLICIDADE

VÍDEOS

Veja os melhores lances da decisão em Monte Carlo

Medvedev em outro ataque de fúria e desconta na raquete

PUBLICIDADE