PLACAR

Gasquet corre risco de sair do top 100 após 19 anos

Foto: Mary Grace Grabill/ATP

Auckland (Nova Zelândia) – Disputando aquela que deve ser sua última temporada no tênis profissional, o francês Richard Gasquet pode deixar o top 100 do ranking pela primeira vez em 19 anos. Para que isso não aconteça, o experiente jogador de 37 anos, hoje na 76ª posição, deverá chegar pelo menos à decisão do ATP 250 de Auckland nesta semana.

Atual campeão do torneio, ele tem estreia marcada para a madrugada de terça-feira diante do compatriota Arthur Fils, atual 35º do mundo e sexto cabeça de chave. O jovem de 19 anos venceu a única partida anterior entre eles, na primeira rodada do ATP 250 de Montpellier do ano passado, em quadra dura coberta.

Ex-número 7 do ranking, Gasquet fez sua estreia na faixa dos 100 melhores em 2003 e se mantém por lá de forma ininterrupta desde abril de 2005, sendo o dono da maior sequência ativa entre os top 100, com 11 semanas a mais do que Novak Djokovic. Neste período, sua pior colocação foi o 87º posto, em dezembro de 2021.

Em duas décadas de carreira, Richard Gasquet soma 602 vitórias e 16 títulos de simples. Nos Grand Slam, seus principais resultados foram as semifinais de Wimbledon em 2007 e 2015 e no US Open de 2013. Ele também atingiu as quartas de final de Roland Garros na temporada 2016 e em Nova York um ano antes. Em Paris, faturou o troféu de duplas mistas de 2004 ao lado da compatriota Tatiana Golovin.

PUBLICIDADE

VÍDEOS

Reveja os melhores lances da final masculina de Wimbledon

Momento histórico: Hewett completa o Slam em Wimbledon

PUBLICIDADE