PLACAR

Expansão de Wimbledon tem sinal verde para aprovação

Wimbledon (Site oficial)

Londres (Inglaterra) – O torneio de Wimbledon recebeu a primeira aprovação para sua futura expansão. O conselho de Merton, bairro onde está localizado o torneio, recomendou a aprovação da construção de um estádio com capacidade para 8.000 pessoas e 38 quadras adicionais. O All England Club pagou mais de 70 milhões de euros pelo terreno perto do clube, que fica localizado em Wimbledon Park e ainda conta com um campo de golfe. No entanto, a ampliação requer várias licenças, devido ao impacto ambiental que as obras podem causar. A expectativa é que o plano deva ser aprovado em 26 de outubro, mas os opositores já recolheram mais de 13 mil assinaturas sob o lema “Salvem Wimbledon Park”.

Iain Simpson, presidente da associação, disse estar desapontado, mas não surpreso com esta decisão. “Acreditamos que o bom senso prevalecerá no longo prazo, porque todas as objeções que fizemos nos últimos dois anos e meio são válidas. Dizer que essas obras não terão efeitos adversos significativos é surreal quando se pretende arrasar e destruir o que atualmente é uma área de 30 hectares que é muito importante para a conservação da natureza”, acrescentou Simpson.

Fleur Anderson, deputada por Putney, Southfield e Londres, está decepcionada com a decisão e disse que “gerações de residentes lutaram para ter acesso a espaços verdes” e que devem continuar a lutar por isso. Depois de 26 de outubro, o assunto estará nas mãos do prefeito de Londres, Sadiq Khan, e das autoridades competentes da capital.

Sendo otimista, as novas quadras Wimbledon só poderiam ser utilizadas, no mínimo, em 2030. O objetivo do All England Club com este projeto é ampliar seus terrenos para poder realizar o qualifying no clube e não em Roehampton, a vários quilómetros de Wimbledon, como acontece atualmente.51

PUBLICIDADE

VÍDEOS

Karlovic oficializa aposentadoria e recebe homenagem da ATP

O melhor duelo entre Djokovic e Murray? Reveja Qatar em 2017

PUBLICIDADE