PLACAR

“Este ano tem sido desafiador”, afirma Aliassime

Foto: Peter Staples/ATP Tour

Cincinnati (EUA) – Finalmente o canadense Felix Auger-Aliassime conseguiu encerrar sua sequência negativa de cinco derrotas e voltou a vencer no circuito , batendo o italiano Matteo Berrettini de virada em sua estreia no Masters 1000 de Cincinnati, na ultima segunda-feira.

“Nunca duvidei das minhas habilidades ou do jogador que sou”, disse Auger-Aliassime depois de derrotar Berrettini. “Acho que já provei a mim mesmo e aos outros que estou entre os melhores jogadores do mundo no passado”, acrescentou o canadense, que tem agora 14 vitórias e 13 derrotas no ano.

“Este ano tem sido desafiador por diferentes razões. Claro, a lesão no joelho que durou muito tempo me manteve afastado por um tempo ou não jogando com a intensidade e o nível que posso jogar e que deveria jogar”, observou o atual número 14 do mundo.

Apesar da fase não ser das melhores, Aliassime segue confiante em sua capacidade. “Sinto-me bem com o meu jogo e também fisicamente. Não estou muito longe da melhor versão de mim mesmo. Mas, ao mesmo tempo preciso de mais partidas para dizer que estou realmente jogando muito bem de novo”, afirmou o tenista da 23 anos.

“Hoje foi ótimo, mas o mais é importante continuar com a mesma vontade e a mesma determinação”, complementou Aliassime, que volta às quadras já nesta terça-feira para enfrentar o francês Adrian Mannarino pela segunda rodada em duelo inédito até então no circuito.

PUBLICIDADE

VÍDEOS

Reveja os melhores lances da final masculina de Wimbledon

Momento histórico: Hewett completa o Slam em Wimbledon

PUBLICIDADE