PLACAR

Djokovic joga de madrugada e tenta classificar a Sérvia

Foto: ATP

Perth (Austrália) – O número 1 do mundo Novak Djokovic será a principal atração da rodada desta terça-feira pela United Cup. Após a vitória sobre a China no último domingo, o sérvio tenta classificar seu país para as quartas de final da competição, e para isso é necessário vencer a República Tcheca para ficar com o primeiro lugar do Grupo E em Perth.

Djokovic entra em quadra por volta de 0h30 (de Brasília). Ele enfrenta o jovem de 22 anos e 31º do ranking Jiri Lehecka. O duelo entre eles é inédito no circuito profissional.

O confronto começa mais cedo, às 23h, com a partida entre a campeã de Wimbledon, Marketa Vondrousova, contra Olga Danilovic. Já nas duplas mistas, a tendência é de que Djokovic e Danilovic joguem juntos, enquanto a parceria tcheca deverá ter Miriam Kolodziejova e Petr Nouza.

Dos três grupos disputados em Perth, as equipes da Polônia e da Austrália já garantiram vagas nas quartas. O primeiro colocado do Grupo E também avança, assim como o melhor segundo colocado entre os grupos A, C e E. Os tchecos não têm chance de se classificar em 1º do grupo, mas uma vitória colocaria a China na liderança da chave.

Dois confrontos em Sydney
Além da definição desta chave, estão marcados dois confrontos para Sydney. No Grupo B, o Canadá enfrenta o Chile a partir de 20h30 desta segunda-feira. Maria Sakkari enfrentará Daniela Seguel, e depois Stefanos Tsitsipas joga contra Nicolas Jarry. A série termina com um jogo de duplas mistas.

Já pelo Grupo F, a Croácia enfrenta a Holanda a partir de 3h30. Primeiro, Borna Coric encara Tallon Griekspoor. Não antes de 5h, Donna Vekic joga contra Arantxa Rus. Nas duplas mistas, Donna Vekic e Ivan Dodig enfrentam Demi Schuurs e Wesley Koolhof.

1 Comentário
Oldest
Newest Most Voted
Inline Feedbacks
Ver todos os comentários
Ubiratan (Black)
1 mês atrás

Em Perth, além da Polônia e da Austrália, a China também já garantiu vaga nas quartas na pior das hipóteses como melhor segundo.

PUBLICIDADE

VÍDEOS

Bopanna entra para a história do tênis aos 43 anos

A emoção de Hsieh e Mertens com o novo título de Slam

PUBLICIDADE