PLACAR

Djokovic domina russo e passa fácil pela estreia no saibro

Foto: Corinne Dubreuil/ATP Tour

Monte Carlo (Mônaco) – Em seu primeiro compromisso da temporada no saibro, o sérvio Novak Djokovic mostrou bastante desenvoltura e não deu chances ao russo Roman Safiullin pela segunda rodada do Masters 1000 de Monte Carlo. O número 1 do mundo dominou as ações na partida e precisou de apenas 69 minutos para triunfar com o placar final de 6/1 6/2.

Ao pisar em quadra nesta terça-feira, Djokovic igualou o espanhol Rafael Nadal e o francês Fabrice Santoro entre os recordistas de participação no torneio, todos eles com 17 aparições no saibro monegasco. Esta foi a primeira partida do sérvio na terra batida desde o título em Roland Garros no ano passado, acumulando oito vitórias seguidas no piso.

Tentando ampliar sua sequência de resultados positivos no saibro, ‘Nole’ espera agora pelo vencedor do confronto entre o francês Arthur Fills e o italiano Lorenzo Musetti. Campeão em 2013 e 2015, o sérvio não vence duas seguidas no torneio desde 2019, inclusive perdendo para Musetti nas oitavas de final do ano passado.

Muito firme com o serviço, o sérvio teve 82% de aproveitamento e não cedeu um break-point sequer. Ele também conseguiu pressionar bastante com as devoluções, venceu 56% dos pontos disputados e somou 19 break-points no decorrer da partida, convertendo cinco deles. Djokovic terminou a estreia com 14 winners contra 12 de Safiullin e apenas 5 erros não forçados, contra 20 do russo.

Logo na largada do jogo o líder do ranking mostrou que não teria dificuldades para avançar, venceu os quatro primeiros games e praticamente encaminhou a vitória no primeiro set, que foi concretizada com uma terceira quebra no sétimo e último game.

Safiullin conseguiu impor uma resistência maior nos games iniciais da segunda parcial, mas já no quarto game voltou a sofrer uma quebra. O russo lutou até onde pôde, tanto que saltou 14 break-points no decorrer do confronto. Muito superior, Djokovic ainda anotou mais uma quebra contra o russo, fechando o jogo no segundo match-point que teve no saque do rival.

 

14 Comentários
Oldest
Newest Most Voted
Inline Feedbacks
Ver todos os comentários
Fernando Venezian
Fernando Venezian
1 mês atrás

O ótimo russo deu azar de pegar um saibro pesado e do Nole estar no modo “Mr Perfeito”! Bom treino pro sérvio!

João
João
1 mês atrás
Responder para  Fernando Venezian

Esse russo é mesmo ótimo, que o diga o Djoko.

Thiago Pereira
Thiago Pereira
1 mês atrás

Gostei da partida do Djokovic. Como nos velhos tempos. Foi sua melhor partida do ano,e em Monte Carlo em muito tempo. Pra quem achou que ele já estava decaindo, vai ver o problema vinha sendo o Ivanesevic e a sua motivação em jogar tênis. Ele não trocou de treinador á toa,e tenho certeza que não estava mais gostando dos treinamentos do croata. Ainda não acabou, e jogando nesse nível fica difícil bater de frente com o predador.

Caio quintas "poderoso piupiu"
Caio quintas "poderoso piupiu"
1 mês atrás

Ah esse novo e provavelmente definitivo goat

Paulo Almeida
Paulo Almeida
1 mês atrás

Exibição de gala do GOAT de todos os esportes e DISPARADO do tênis. Sacou demais, deu drops desconcertantes e fez vários winners mágicos na paralela tanto de fore quanto de back.

Dia triste para as pobres almas sofredoras.

Guilherme ES Ribeiro
Guilherme ES Ribeiro
1 mês atrás

Bela estreia do Djokovic. Parece com fome de título. Espero que tenha se reencontrado e venha com tudo no saibro

João
João
1 mês atrás

Não vi o jogo todo, não tenho mais paciência para isso. Mas pelas partes que vi, o mega campeão pareceu sereno, em perfeita forma técnica e física. Não foi uma coisa bonita de ver, se você é um torcedor espanhol.

Paulo Almeida
Paulo Almeida
1 mês atrás
Responder para  João

Não tem paciência pra ver um jogo de 1 hora? Imagina Slam então.

João
João
1 mês atrás
Responder para  Paulo Almeida

Eu não quiz criticar quem assiste um jogo inteiro, só para deixar claro. Só disse que EU não tenho paciência. Se você curte ver um jogo de 5 horas, com um intervalo de 3 horas de suspensão pela chuva, para mim está ótimo, segue a vida.

Lee
Lee
1 mês atrás

Ninguém pode desprezar nessa competição alguém que já venceu 2 vezes o rei do saibro em Roland Garros.

Gusmão
Gusmão
1 mês atrás

Parabéns ao Djokovik.
Voltou voando.
E com vontade de vencer.

Gusmão
Gusmão
1 mês atrás

Corrija o placar.
Foi
6×1, 6×2

Vera Barcelos
Vera Barcelos
1 mês atrás

Djokovic estréia bem , sem muito espetáculo pois dominou com sobra e não foi muito exigido. Idemooooo Champion!!!

João
João
1 mês atrás

Ué, mas não disseram q ele já não estava acabado?

PUBLICIDADE

VÍDEOS

Agassi recorda trajetória de drama e sucesso em Roland Garros

Os melhores lances de Iga Swiatek rumo ao tri no Foro Italico

PUBLICIDADE