PLACAR

Com bom histórico na grama, Tomljanovic joga 1ª semi do ano

Ajla Tomljanovic (Foto: LTA)

Birmingham (Inglaterra) – Com bom histórico recente em quadras de grama, chegando às quartas em Wimbledon em 2021 e 2022, Ajla Tomljanovic disputará sua primeira semifinal da temporada. A australiana de 31 anos avançou no WTA 250 de Birmingham depois de superar nesta sexta-feira a canadense Leylah Fernandez por 1/6, 6/3 e 6/2.

Tomljanovic não chegava sequer às quartas em um evento da elite do circuito desde o US Open de 2022. Ela operou o joelho no início do ano passado e só voltou a jogar em agosto, terminando a última temporada com um título no Brasil, ao vencer um torneio da série 125 em Florianópolis. Ex-número 32 do mundo, a australiana ocupa hoje o 190º lugar do ranking.

“Leylah é uma adversária duríssima, especialmente na grama. E também é muito difícil devolver o saque dela. Fiquei muito surpresa com o primeiro set, porque me senti muito lenta e dominada por ela. Mas depois que eu confirmei o saque pela primeira vez no segundo set, eu relaxei um pouco mais e consegui jogar melhor”, disse Tomljanovic na entrevista em quadra.

“Sabia que havia uma chance de o jogo não terminar hoje, porque já estava ficando escuro, então fico muito feliz porque vou dormir sabendo que já estou na semifinal”, acrescenta a australiana, que busca sua quinta final da carreira. “É um grande resultado para mim. Se alguém me dissesse antes do torneio que eu chegaria à semifinal, eu ficaria muito feliz. Mas quando entro em quadra, tenho uma exigência muito alta sobre o meu próprio jogo. Quero sempre ter o meu melhor nível”.

Potapova derruba Krejcikova nas quartas, Cocciaretto segue firme

A adversária de Tomljanovic na semifinal deste sábado, por volta de 9h (de Brasília) será a russa Anastasia Potapova, cabeça 7 do torneio e 36ª do ranking, que venceu a tcheca Barbora Krejcikova, segunda cabeça de chave e número 25 do mundo, por 6/1 e 6/4. A australiana lidera o histórico de confrontos contra Potapova por 2 a 1. Todos os confrontos foram entre 2020 e 2021. Aos 23 anos, Potapova acumula dois títulos e três vice-campeonatos no circuito.

Do outro lado da chave, a italiana Elisabetta Cocciaretto segue numa ótima semana. Depois de ter eliminado duas campeãs de Grand Slam, Jelena Ostapenko na estreia e Sloane Stephens na segunda rodada, a atual 44ª do ranking avançou à semifinal depois de superar a russa Diana Shnaider por 5/7, 6/4 e 6/2. Cocciaretto, de 23 anos, tem um título e um vice no circuito da WTA.

+ Clique aqui e siga o Canal do TenisBrasil no WhatsApp

A outra semifinalista é a cazaque Yulia Putintseva, experiente jogadora de 29 anos e 41ª do ranking. Ela venceu a norte-americana Caroline Dolehide por 6/3, 6/7 (2-7) e 6/1. Putintseva já jogou cinco finais de WTA e tem dois títulos no circuito. Ela venceu o único duelo anterior contra Cocciaretto, disputado no início da atual temporada em Hobart. O reencontro será às 7h deste sábado.

PUBLICIDADE

VÍDEOS

Reveja os melhores lances da final masculina de Wimbledon

Momento histórico: Hewett completa o Slam em Wimbledon

PUBLICIDADE