PLACAR

Carol estreia no Clube Hípico, Cé e Candiotto caem

Luiza Fullana. (Foto: Rafael Pignataro)

São Paulo (SP) – Depois de duas semanas desgastantes e de bons resultados, a paulista Carolina Meligeni Alves estreia na noite desta quarta-feira na terceira etapa do Circuito Feminino Future de Tênis. O ITF de nível 50 acontece nas tradicionais quadras de saibro do Clube Hípico de Santo Amaro e tem entrada gratuita para o público.

Campeã em São João da Boa Vista há duas semanas e semifinalista em Campinas no domingo, Carol enfrentará a jovem norte-americana Madison Sleg, de 20 anos e 337ª do ranking, às 18h30. “Estou muito animada de jogar aqui, venho de duas semanas muito boas”, afirmou a número 333 do mundo. “Eu e o meu time achamos importante ter jogado esses dois W15 para pegar ritmo e confiança e deu tudo certo. consegui executar muito do que vinha trabalhando e fiquei muito feliz com isso e com os resultados em quadra”.

A campineira se acha em excelente forma e diz estar preparada para outra campanha exigente em São Paulo. “Foram duas semanas intensas, joguei com muito calor e umidade, fiz vários jogos seguidos, coisa que não acontecia há algum tempo. Mas estou me sentindo muito bem”. Com os pontos somados nas últimas semanas, Carol deve se reaproximar do top 300 quando a nova lista for divulgada, na próxima segunda-feira.

A programação, que completa a primeira rodada de simples e duplas, terá também Carolina Bohrer, catarinense de 16 anos, com a dura missão de enfrentar a ucraniana e cabeça 5 Valeriya Strakhova. A partida acontece às 13 horas. A rodada começa às 10h, com duelo sul-americano entre a argentina Jazmin Ortenzi e a chilena Fernanda Labrana, e em seguida joga a cabeça 1 Martina Capurro em duelo totalmente argentino contra Paula Ormaechea.

Na abertura da chave principal, nesta terça-feira, as quatro representantes nacionais foram eliminadas. O destaque coube à brasiliense Luíza Fullana, convidada dos organizadores, que fez uma partida equilibrada e longa diante da italiana Miriana Tona e acabou caindo por 6/2, 4/6 e 6/4.

A experiente Gabriela Cé encarou a cipriota Raluca Serban, terceira principal inscrita, e chegou a liderar o segundo set, com 5/4 e saque a favor, mas permitiu reação e caiu com placar de 6/1 e 7/5. Ana Candiotto foi outra que estreou diante de uma cabeça de chave, a francesa Amandine Hesse, e perdeu para a oitava favorita com parciais de 6/3 e 6/2. Já a pernambucana Cecília Costa caiu diante de outra francesa, a cabeça 4 Selena Janicijevic, por duplo 6/1.

Na rodada final do qualificatório, a adolescente Nauhany Silva teve chances de se classificar pela primeira vez para uma chave principal entre as profissionais, mas levou virada da cabeça 1 do quali, a argentina Julieta Estable, por 3/6, 6/3 e 6/4. Já Camilla Bossi perdeu para a norte-americana Kylie Mckenzie, por 6/2 e 6/3.

O Circuito Feminino Future de Tênis é apresentado pelo Itaú através da Lei de Incentivo ao Esporte/Ministério do Esporte. Tem o patrocínio da Mills e a realização é do Instituto Esperança do Amanhã. A competição tem as chancelas da Federação Internacional de Tênis, Confederação Brasileira de Tênis e Federação Paulista de Tênis.

2 Comentários
Oldest
Newest Most Voted
Inline Feedbacks
Ver todos os comentários
Osvaldo Lara Senior
Osvaldo Lara Senior
20 dias atrás

traduzindo: 6×0 hoje para as moçoilas que vieram ao Brasil enfrentar as tupiniquins. amanhã a Carol vai vingar todas as meninas atropeladas hoje. força Carolzinha.

Paulo A.
Paulo A.
20 dias atrás

Impressionante a estreia da Naná! Por muito pouco mesmo, fez um ponto a menos no jogo apenas, não elimina a 1a cabeça de chave do qualy de um 50 K. Que pena.

PUBLICIDADE

VÍDEOS

Veja os melhores lances da rápida final masculina de Miami

Collins segura os nervos e bate Rybakina: veja o melhor da final

PUBLICIDADE