PLACAR

Carol, Cé e Bossi avançam às oitavas em Campinas

Camilla Bossi (Foto: Rafael Pignataro)

Campinas (SP) – O tênis brasileiro colocou três representantes na segunda rodada da chave de simples do ITF de US$ 15 mil que acontece na Sociedade Hípica de Campinas e vale como segunda etapa do Circuito Feminino Future de Tênis.

Campeã em São João da Boa Vista no domingo, a campineira Carolina Meligeni Alves justificou a condição de cabeça 2 da semana e superou a norte-americana Kylie McKenzie, com parciais de 6/4, 5/7 e 6/4, em batalha de 3h04. Sua adversária às 14 horas desta quinta-feira será a alemã Emily Seibold, atual 946ª do ranking mas que já esteve entre as 450 primeiras.

Outra brasileira que confirmou o favoritismo foi a canhota gaúcha Gabriela Cé. A cabeça 3 superou outra norte-americana, Lilian Poling, com o exigente placar de 7/6 (7-4) e 6/4. Agora, terá pela frente a russa Maria Kononova, em jogo previsto para as 11 horas.

Camilla Bossi, por sua vez, saiu do qualificatório e levou a melhor no duelo nacional contra a ainda juvenil gaúcha de 16 anos Pietra Rivoli e venceu por 6/4 e 6/2. O desafio agora será maior, já que enfrentará a romena e cabeça 8 Oana Gavrilla, às 9 horas. A entrada é gratuita ao público.

A única derrota brasileira do dia coube a Paola Dalmônico. Depois de superar o quali, ela parou na romena e cabeça 6 Irina Fetecau, com placar de 6/2 e 6/3.

Disputado desde 2011, o Circuito Feminino Future de Tênis colocou em quadra ao longo desse longo período todas as brasileiras que hoje figuram com destaque no circuito profissional, como Beatriz Haddad Maia, Luísa Stefani, Laura Pigossi e Ingrid Martins. Depois de São João da Boa Vista e Campinas, será disputada a etapa de US$ 50 mil no Clube Hípico de Santo Amaro, em São Paulo.

O Circuito Feminino Future de Tênis é apresentado pelo Itaú através da Lei de Incentivo ao Esporte/Ministério do Esporte. Tem o patrocínio da Mills e a realização é do Instituto Esperança do Amanhã. A competição tem as chancelas da Federação Internacional de Tênis, Confederação Brasileira de Tênis e Federação Paulista de Tênis.

PUBLICIDADE

VÍDEOS

Reveja os melhores lances da final masculina de Wimbledon

Momento histórico: Hewett completa o Slam em Wimbledon

PUBLICIDADE