PLACAR

Bia tem jogo suspenso por chuva e tenta a virada

Foto: Bad Homburg Open

Bad Homburg (Alemanha) – O segundo jogo de Beatriz Haddad Maia no WTA 500 de Bad Homburg precisou ser suspenso por chuva. A número 1 do Brasil e 20ª do mundo havia perdido o primeiro set para a russa Anna Blinkova, 66ª do ranking, por 6/3 e liderava o segundo por 3/2, quando a partida foi interrompida após 1h14 de partida.

O jogo será retomado apenas na manhã desta quinta-feira, por volta de 8h30 (de Brasília), após a partida entre Paula Badosa e Diana Shnaider às 7h. E a vencedora disputa as quartas de final no mesmo dia contra a búlgara Viktoriya Tomova, 58ª do ranking, no encerramento da rodada às 12h30.

Este é o terceiro dia seguido que o último jogo da rodada em Bad Homburg é suspenso. Com a falta da luminosidade natural, a superfície da quadra grama retém mais umidade e as condições ficam muito escorregadias, que podem colocar as jogadoras em risco. Isso já havia acontecido no jogo entre Caroline Wozniacki e Elina Svitolina na segunda-feira e também na terça, quando Katerina Siniakova enfrentava Liudmila Samsonova.

Brasileira havia perdido primeiro set e liderava o segundo

O início de partida não foi bom para Bia, que sofreu uma quebra logo no primeiro game de serviço e saiu perdendo por 3/0. Instável em seus games de saque, principalmente quando dependia do segundo serviço, ela fez três duplas faltas na parcial e chegou a estar perdendo por 5/1 depois de ter errado um voleio.

+ Clique aqui e siga o Canal do TenisBrasil no WhatsApp

Embora não tivesse ficado tão passiva e à mercê do jogo da adversária, Bia vinha cometendo muitos erros em pontos que ela estava equilibrada e, mesmo devolvendo uma das quebras, não evitou a perda da parcial. A brasileira liderava a contagem de winners da parcial por 11 a 6 e cometeu 17 erros contra 7.

Já no começo do segundo set, cada jogadora quebrou uma vez após muitos games longos e com oportunidades para os dois lados. E quando a brasileira liderava por 3/2, o jogo foi suspenso por chuva.

Confira a programação desta quinta-feira em Bad Homburg

Quadra Central – 7h
[C]Paula Badosa (ESP) vs Diana Shnaider
Anna Blinkova vs. Beatriz [4]Haddad Maia (BRA)
Donna Vekic (CRO) vs. Katerina Siniakova (TCH)
Não antes de 11h
[3]Emma Navarro (EUA) vs. [C]Caroline Wozniacki (DIN)
Não antes de 12h30
[Q]Viktoriya Tomova (BUL) vs. Anna Blinkova ou [4]Beatriz Haddad Maia (BRA)

21 Comentários
Oldest
Newest Most Voted
Inline Feedbacks
Ver todos os comentários
Blumenau
Blumenau
18 dias atrás

Talvez esta parada seja até boa pra Bia, porque ela jogou um péssimo 1º set. Minha Nossa, acertar 3 saques em 10 é muito baixo este índice pra uma jogadora neste nível. Pelo amor de Deus, contrata um técnico exclusivo para treinar saque ou acertar este movimento, fazer 3 duplas faltas num game é coisa pra iniciante em clube, sacar a 130 Km/h é pedir pra tomar cacetada. E olha que a fofinha nem joga lá essas coisas, só se defende e tem um saque que não incomoda, mas a Bia quando acerta a jogada se vira pro técnico e cerra a mão, pra quê? Pra justificar? Pra receber palminha? Presta a atenção, cara, joga seu jogo, baixa o sarrafo, mete a mão na bola, varia o jogo e faz a menina correr, ela não vai aguentar se fizer isso. Ainda tem chances, é vencer os dois sets seguidos para ir adiante, a chave está aberta e este torneio está caindo de maduro. Bora aproveitar?

DENNIS SILVA
DENNIS SILVA
18 dias atrás
Responder para  Blumenau

Ate hoje não entendi o porquê de todo ponto ganho olhar para o técnico e cerra a mão e grita, pra quê? Se isso ganhasse jogo, teria levado o primeiro set. Quando ganha, fala que mostrou atitude, é qdo perde faltou. Em vez disso, deveria apenas se concentrar na partida.

Joni
Joni
18 dias atrás
Responder para  DENNIS SILVA

O tênis não é mais aquele esporte individual de antigamente. Os jogadores precisam de aprovação e instrução do técnico a cada ponto. Não é só a Bia e as mulheres, acontece também com muitos homens, como Tsitsipas, Dimitrov e até Djokovic e Alcaraz.
Tem hora que vira circo. A Danielle Collins grita com a turma do seu box, manda levantar e aplaudir ou calar a boca. A Mirra Andreeva confessou que prefere esquecer que tem técnica durante o jogo, mas na hora que a coisa aperta pede socorro.

Fabio Cardoso
Fabio Cardoso
18 dias atrás
Responder para  DENNIS SILVA

Denis, esse tipo de “comemoração” a cada ponto é normal no tênis, não é uma exclusividade da Bia. Alcaraz, Sinner e muitos outros fazem o mesmo. Com certeza não é isso que a faz perder os jogos.

DENNIS SILVA
DENNIS SILVA
18 dias atrás
Responder para  Fabio Cardoso

Apenas acho estranho que seja feito em todos os pontos. Quando é um ponto chave eu entendo.

Carlos
Carlos
18 dias atrás
Responder para  Blumenau

É isso meu amigo , disse tudo !

Realista
Realista
18 dias atrás

Parada providencial, pq o jogo já estava definido para a russa
Vai Bia, VQV

Scott
Scott
18 dias atrás

Infelizmente está diante de uma iminente eliminação. Bora pra Wimbledon.

Geraldo
Geraldo
18 dias atrás

Eu queria entender se tem algum motivo para ter um jogo antes da continuação de um jogo que não foi encerrado no dia anterior?
Alguem sabe se tem alguma regra pra isso?

Geraldo
Geraldo
18 dias atrás
Responder para  Mário Sérgio Cruz

Obrigado pela resposta Mario!
Só confesso não entender pois se a Bia passar por exemplo terá menos tempo para se recuperar para o próximo jogo. Mas se é uma normal da ATP/WTA/GS que seja.

Fernando Romero
Fernando Romero
18 dias atrás
Responder para  Geraldo

E o próximo jogo da vencedora será hoje; ou seja esticam o tempo em jogo adiado de um dia para outro e encurtam o tempo entre dois jogos no mesmo dia.

Ronaldo Oliveira
Ronaldo Oliveira
18 dias atrás

Bia, nem volte… a gente já sabe o final…

F.F.
F.F.
18 dias atrás

Essa chuva foi literalmente um presente dos céus
Terrivel

Eládio Roberto
Eládio Roberto
18 dias atrás

Bia anda muito inconstante. Não creio que seja só mente. Tá tudo errado. Essa é a minha humilde opinião! Se perdesse só para as top 20, o pior é que tá perdendo prá todo mundo?

Oscar Riote
Oscar Riote
18 dias atrás
Responder para  Eládio Roberto

Esse ano ela tem apresentado um nivel próximo de top 80 ou 90. Vai ter sempre dificuldade contra jogadoras dentro desse range

Fernando S P
Fernando S P
18 dias atrás
Responder para  Oscar Riote

Engraçado que ela está no Top 30 na Race. Curioso, né? O ranking da WTA deve estar descalibrado.

Seria interessante um sistema mais justo que a colocasse em 80 ou 90 na Race hoje, não é mesmo? Por que será que estão favorecendo a brasileira?

Rockton
Rockton
18 dias atrás

Agora a coisa ficou ainda pior para a Bia. Normalmente esse tipo de parada não favorece jogadoras de mental fraco.

Richard Amorim
Richard Amorim
18 dias atrás

Não é hora da Bia contratar um técnico de verdade?

Edmar
Edmar
18 dias atrás

Alguém se lembra do desastre que era o saque da Sabalenka? Era terrível, inúmeras duplas faltas. Deu um passo atrás e mudou a mecânica do saque. Hoje se tornou um bom golpe, nada perto do forehand mas machuca muito e tem maior consistência. Com a altura da Bia o saque deveria ser um estrondo. No feminino um bom saque é meio caminho andado. Se não evoluir nesse quesito é ladeira a baixo. Lógico que tem o mental, mas o mental ele é perdido quando o jogo não vai bem, ninguém ganha jogo “apenas” no mental, tem que ter jogo pra ganhar. Tem que treinar mais, trocar treinador, alguma mudança tem que ocorrer. Antes havia oscilação mas o bom tenis aparecia, hoje esse bom tênis é raro de aparecer.

Ricardo - DF
Ricardo - DF
18 dias atrás

Com relação ao saque, a Bia disse que quando treina, saca como uma número um. O Fino disse que já treinou slice com ela, horas. O problema é na hora do jogo. Infelizmente a Bia tem um mental fraco, precisava investir forte na terapia.

PUBLICIDADE

VÍDEOS

Wimbledon seleciona os melhores backhands de 1 mão

Os históricos duelos entre Serena e Venus em Wimbledon

PUBLICIDADE