PLACAR

Berrettini recebe convite, volta em Phoenix e joga Miami

Foto: Peter Staples/ATP Tour

Phoenix (EUA) – Os organizadores do challenger de Phoenix oficializaram o convite do tenista italiano Matteo Berrettini, que retorna ao circuito após mais de seis meses de hiato. Será sua primeira competição oficial desde a queda na segunda rodada do US Open do ano passado contra o francês Arthur Rinderknech.

Vários top 50 também estão confirmados na chave do torneio norte-americano. Alguns dos principais nomes são o alemão Jan-Lennard Struff, o argentino Tomas Etcheverry, os tenistas da casa Christopher Eubanks e Marcos Giron, o russo Roman Safiullin, o finlandês Emil Ruusuvuori, o cazaque Alexander Shevchenko e o britânico Andy Murray

O finalista de Wimbledon 2021 não compete há mais de 6 meses, o que o tirou do top 100. Neste momento o italiano de 27 anos ocupa a 152ª posição teórica no ranking mundial. Phoenix será o primeiro teste oficial para Berrettini, que depois voará para Miami para disputar o segundo Masters 1000 da Sunshine Double.

Berrettini aproveitou o ranking protegido, entrando assim diretamente no sorteio principal em Miami com a 74ª colocação. O italiano poderá usar a classificação protegida em nove torneios no prazo de nove meses a partir de seu retorno.

PUBLICIDADE

VÍDEOS

Veja os melhores lances da rápida final masculina de Miami

Collins segura os nervos e bate Rybakina: veja o melhor da final

PUBLICIDADE