PLACAR

Baez vence 10ª seguida e conquista seu 4º ATP

Sebastian Baez (Foto: Winston-Salem Open)

Winston-Salem (EUA) – Em ótima fase no circuito, Sebastian Baez conquistou neste sábado o ATP 250 de Winston-Salem. Este é o quarto título de ATP para o argentino de 22 anos e o primeiro fora do saibro. Baez superou na final o tcheco Jiri Lehecka por 6/4 e 6/3 em 1h34 de partida.

A vitória deste sábado foi a décima seguida para Baez, que há três semanas havia vencido o ATP 250 de Kitzbuhel, na Áustria. Ele ainda tem um título em Córdoba no início da temporada e outro em Portugal no ano passado. O argentino disputou sua sexta final no circuito.

Ex-top 30 e atual 42º do ranking, Baez recupera dez posições e se aproxima de seu recorde pessoal. Já Lehecka, de 21 anos e 35º colocado, disputou sua primeira final de ATP e aparecerá no grupo dos 30 melhores do mundo pela primeira vez na carreira.

Vindo de uma semifinal duríssima na última sexta-feira, quando precisou de 3h20 para superar Borna Coric, Baez reencontra o croata na primeira rodada do US Open. E se vencer, pode ter um duelo sul-americano contra Felipe Meligeni. O atual número 3 do Brasil estreia contra o japonês Kei Nishikori. Já Lehecka estreia contra o russo Aslan Karatsev.

A final de Winston-Salem começou com games longos e oportunidades para os dois lados. Tanto que o primeiro set teve 11 break-points disputados. Lehecka foi o primeiro a quebrar e fez 3/1, mas depois perdeu quatro games seguidos. Sacando para o set, Baez salvou quatro break-points antes de fechar a parcial.

O argentino também precisou mostrar poder de reação no segundo set, já que saiu perdendo por 2/0. Ele conseguiu duas quebras e confirmou dois games de serviço de zero para fazer 4/2. Sem correr mais riscos no saque, Baez ainda conseguiria uma nova quebra no último game da partida.

Norte-americanos vencem o torneio de duplas
O título de duplas ficou com os norte-americanos Nathaniel Lammons e Jackson Withrow. Eles venceram os britânicos Lloyd Glasspool e Neal Skupski, cabeças 2 do torneio, por 6/3 e 6/4. Este foi o quarto título da parceria e o terceiro na temporada. Eles venceram em San Diego no ano passado, além de Atlanta e Newport este ano.

PUBLICIDADE

VÍDEOS

Bopanna entra para a história do tênis aos 43 anos

A emoção de Hsieh e Mertens com o novo título de Slam

PUBLICIDADE