PLACAR

Aliassime defende título na Basileia e fatura 5º ATP

Foto: Swiss Indoors Basel

Basileia (Suíça) – Pelo segundo ano consecutivo, campeão do ATP 500 da Basileia é Felix Auger-Aliassime. O canadense de 23 anos e atual 19º do ranking defendeu o título do torneio suíço em quadras duras e cobertas. Aliassime venceu na final deste domingo o polonês Hubert Hurkacz, 11º colocado, por 7/6 (7-3) e 7/6 (7-5) em 1h52 de partida.

Este é o quinto título de ATP na carreira de Aliassime e o primeiro justamente um ano depois da última conquista na Basileia. As outras três conquistas do canadense também foram na temporada passada, nas quadras cobertas de Roterdã, Florença e Antuérpia. Sua melhor campanha na atual temporada era a semifinal de Doha, ainda no início do ano, e a vitória na semi sobre Holger Rue foi a primeira contra top 10 em 2023.

Aliassime se junta a outros bicampeões na história do tradicional torneio da Basileia, como Ivan Lendl, Yannick Noah, Jim Courier, Tim Henman e Juan Martín del Potro. O recordista de títulos é o decacampeão Roger Federer.

Já o vice-campeão Hubert Hurkacz perdeu a chance de entrar no top 8 da corrida por vaga no ATP Finals. O polonês de 26 anos e vencedor de sete títulos de ATP conquistou há duas semanas o Masters 1000 de Xangai. Na busca por vagas no Finals, cinco jogadores já estão classificados (Novak Djokovic, Carlos Alcaraz, Daniil Medvedev, Jannik Sinner e Andrey Rublev). As últimas vagas no momento seriam de Stefanos Tsitsipas, Alexander Zverev e Holger Rune.

Outra preocupação para o tenista foi uma aparente limitação física nos movimentos a partir do segundo set. Ainda assim, ele continuou até o final da partida e se manteve competitivo. Na próxima semana, ele disputará o Masters 1000 de Paris e estreia contra o norte-americano Sebastian Korda.

A final da Basileia foi inteiramente sem quebras, sendo que Aliassime não enfrentou break-points e teve cinco chances de quebra. O canadense liderou a contagem de winners por 37 a 28 e cometeu 14 erros contra 17 de Hurkacz. Nos aces, o agora bicampeão fez 13 contra 12 do rival polonês.

O primeiro set teve apenas um break-point disputado e Aliassime se manteve firme no saque durante o tiebreak, além de vencer dois pontos nas devoluções. Na segunda parcial, Hurkacz reverteu situações de 15-40 no 4/4 e 5/5, mas não evitou a derrota em novo tiebreak, após um winner de devolução do canadense em seu único match-point.

PUBLICIDADE

VÍDEOS

Bopanna entra para a história do tênis aos 43 anos

A emoção de Hsieh e Mertens com o novo título de Slam

PUBLICIDADE