PLACAR

Alcaraz joga mal e não passa da estreia em Paris

Foto: ATP

Paris (França) – A reta final de temporada para Carlos Alcaraz segue com resultados muito aquém de suas expectativas. Depois de ter sido eliminado ainda nas oitavas em Xangai, o atual número 2 do mundo não passou da estreia do Masters 1000 de Paris. Alcraz perdeu para o russo Roman Safiullin, 45º do ranking, por 6/3 e 6/4 em 1h37 de partida.

A eliminação precoce deixa o espanhol de 20 anos ainda mais distante da meta de terminar a segunda temporada seguida na liderança como número 1. Ele iniciou a semana 500 pontos atrás de Novak Djokovic no ranking da temporada, restando apenas mais dois torneios em disputa. Agora, o sérvio terá a chance de abrir grande vantagem antes do Finals em Turim.

Algoz de Alcaraz nesta terça-feira, Safiullin está com 26 anos e atingiu recentemente o melhor ranking da carreira, no 41º lugar, depois ter disputado sua primeira final de ATP em Chengdu. A vitória sobre o espanhol foi sua terceira contra top 10 na carreira e a segunda na temporada.

Safiullin terá um duelo russo nas oitavas de final contra o número 15 do mundo Karen Khachanov, que venceu o sérvio Laslo Djere por 6/4 e 7/5. O único duelo anterior entre os dois russos foi disputado justamente na semana passada, em Viena, com vitória de Khachanov em sets diretos.

Embora tenha conseguido uma quebra logo no início da partida, Alcaraz não conseguiu sustentar a liderança por muito tempo. Ele logo cedeu o empate por 2/2 e teve muitas dificuldades nas devoluções de saque, sem conseguir ameçar o serviço do russo, que voltaria a quebar no oitavo game para vencer o primeiro set.

Alcaraz também começou melhor no segundo set, criando chances de quebra em dois games distintos e chegando a liderar por 3/1. Mas o espanhol seguiu passando por momentos de oscilação, especialmente quando dependia do segundo serviço. Ele perdeu quatro games seguidos para Safiullin. Só então, o ex-número 1 do mundo voltou a confrimar o saque, mas não evitou a derrota no game seguinte. O espanhol até fez um winner a mais no jogo, 15 a 14, mas cometeu 27 erros contra 21.

PUBLICIDADE

VÍDEOS

Agassi recorda trajetória de drama e sucesso em Roland Garros

Os melhores lances de Iga Swiatek rumo ao tri no Foro Italico

PUBLICIDADE