PLACAR

Zanellato e Leite caem na segunda rodada no Chile

Nicolas Zanellato (Foto: Andreas Schebesta/Schwaben Open)

Concepción (Chile) – Chegou ao fim a participação brasileira na chave de simples do ITF M15 de Concepción. Nesta quinta-feira, os dois jogadores remanescentes do país foram eliminados em jogos duros de três sets. Segundo principal favorito do torneio, o paulista Nicolas Zanellato foi surpreendido pelo local Diego Flores, vindo do qualificatório, e acabou derrotado pelo placar de 6/4, 4/6 e 7/5, em 2h21 de partida.

Pouco depois, o carioca Wilson Leite sofreu a virada para o experiente argentino Nicolas Kicker, ex-top 80 do ranking e cabeça 5 no saibro chileno, que levou a melhor por 3/6, 6/3 e 7/5 em batalha de 2h46. O atual número 540 do ranking terá pela frente nas quartas de final um compatriota que saíra do duelo entre o principal inscrito Gonzalo Villanueva e o quali Manuel Salvo. Já o chileno Matías Soto, 667º colocado, enfrentará o vencedor da partida entre os também argentinos Facundo Mena, cabeça 8, e Fernando Cavallo.

Com a campanha em Concepción, Zanellato está ganhando seis posições, pulando provisoriamente do 497º para o 491º lugar no ranking. Aos 21 anos de idade, ele tem como melhor marca a 469ª posição e possui um título como profissional, no saibro do M15 de Novi Sad na temporada passada.

Por sua vez, Wilson Leite perderá terreno na lista da ATP. A eliminação na segunda rodada lhe custará três posições, caindo do 589º para o 592º posto. O jogador de 32 anos tem como recorde pessoal o 341º lugar obtido em abril de 2014, além de sete títulos na carreira, o mais recente em 2022, no Rio de Janeiro.

Último brasileiro vivo no ITF de Concecpción, o mineiro João Victor Loureiro disputa ainda nesta quinta-feira as quartas de final da chave de duplas. Ao lado do argentino Lautaro Midon, ele encara os também argentinos Juan Estevez e Juan Manuel La Serna.

Brasileiros pelo mundo

Também nas duplas, outros dois tenistas do país foram eliminados nesta quinta-feira. No saibro do M15 de Antalya, na Turquia, o paranaense João Schiessl e o argentino Lúcio Carnevalle foram superados na estreia pelos cabeças 1, o russo Bogdan Bobrov e o uzbeque Sergey Fomin, pelo placar de 7/5, 2/6 e 12-10. João ainda segue na competição e disputa na sexta-feira as oitavas de final de simples contra o cazaque Dmitry Popko, quinto principal favorito.

Já na quadra dura do Kuwait, o paulista Gabriel Décamps deu adeus ao M15 de Zahra. Depois de ser eliminado nas simples na última quarta, desta vez o jogador de 24 anos foi derrotado jogando ao lado do belga Jack Loge, caindo para os cabeças 3 holandeses Guy Den Heijer e Jesse Timmermans, por 6/2 e 7/5.

2 Comentários
Oldest
Newest Most Voted
Inline Feedbacks
Ver todos os comentários
Guilherme ES Ribeiro
Guilherme ES Ribeiro
2 meses atrás

Leite fez jogo duro e não era favorito. Resultado normal. Mas o Zanellato vacilou. Jogo acessível e que deveria vencer. Olhando o ano dele foi positivo. Entrou no TOP500, fez melhor ranking, alcançou semi de challenger. Final de ano caiu um pouco. Bora evoluir mais

Jorge Luiz
Jorge Luiz
2 meses atrás

Campanha pífia para o cabeça dois, precisa melhorar muito ein Zanellato

PUBLICIDADE

VÍDEOS

Bopanna entra para a história do tênis aos 43 anos

A emoção de Hsieh e Mertens com o novo título de Slam

PUBLICIDADE