PLACAR

Wild, Monteiro, Meligeni e Heide jogam challengers no saibro

Foto: Philippe Montigny/FFT

Braunschweig (Alemanha) – Depois da passagem pela grama, em que conseguiu vitórias em Eastbourne e em Wimbledon, o paranaense Thiago Wild volta imediatamente para o saibro, de olho em pontos no ranking e na melhor preparação para os Jogos Olímpicos de Paris.

Ele será o cabeça 3 no forte challenger alemão de Braunschweig, que começa nesta segunda-feira com a premiação de 139 mil euros. Também está com vaga assegurada o paulista Felipe Meligeni Alves.

O torneio tem o espanhol Roberto Carballes como principal inscrito e nomes bons do saibro, como Daniel Galan e Cristian Garin. O sorteio da chave está previsto para este domingo.

Já o canhoto cearense Thiago Monteiro deve entrar como terceiro principal favorito no challenger de Salzburg, na Áustria, torneio com a mesma premiação de 149 mil euros. Matheus Pucinelli tem vaga garantida no qualificatório. O argentino Federico Coria é o cabeça 1.

Por fim, Gustavo Heide tem vaga assegurada no challenger romeno de Iasi, torneio de 121 mil euros, onde o paulista deve figurar entre os oito cabeças, e tentará depois jogar o quali de Gstaad e Kitznuehel.

Wild tem vaga direta também para o 500 de Hamburgo e o 250 de Kitzbuehel antes de Paris, enquanto está inscrito para Bastad e Umag. Melligeni tem boa chance de entrar no quali de Hamburgo e está nas listas de quali de Bastad e Gstaad.

5 Comentários
Oldest
Newest Most Voted
Inline Feedbacks
Ver todos os comentários
Scott
Scott
8 dias atrás

Todos estão precisando de bons resultados. As últimas semanas foram uma lástima. Resultados fracos.

Paulo A.
Paulo A.
8 dias atrás

Muito boa sorte aos guerreiros! Quem sabe não teremos uma grande campanha ao menos.

Matheus Ferreira
Matheus Ferreira
8 dias atrás

Alguém sabe qual o próximo torneio do Fonseca?

Hivo
Hivo
8 dias atrás
Responder para  Matheus Ferreira

Challenger nos EUA!

Aridelson
Aridelson
8 dias atrás

Wild tem obrigação de ganhar esse Challenger!!

PUBLICIDADE

VÍDEOS

Wimbledon seleciona os melhores backhands de 1 mão

Os históricos duelos entre Serena e Venus em Wimbledon

PUBLICIDADE