PLACAR

Wawrinka se machuca no match-point e abandona

Cedric Lecocq/FFT

Metz (França) – O veterano Stan Wawrinka passou por um momento de absoluta infelicidade nesta quarta-feira pelo ATP 250 de Metz. O suíço teve dois match-points no segundo set da partida das oitavas de final contra o jovem francês de 19 anos Luca Van Assche, 70º do ranking, quando torceu o tornozelo direito. Depois de perder o set e sem condições de continuar na partida, ele se retirou com parciais de 3/6 e 7/6 (8-6) após 1h43 de partida.

Wawrinka havia dominado o primeiro set, conseguindo a única quebra da parcial e escapando dos dois break-points que enfrentou. A segunda parcial teve uma quebra para cada lado e o suíço abriu grande vantagem no tiebreak, chegando a liderar por 5-2, e depois por 6-4. Van Assche venceu os últimos quatro pontos antes de o suíço abandonar.

A temporada de Wawrinka termina com 27 vitórias e 23 derrotas, com uma final disputada no saibro de Umag. Mas o ex-número 3 do mundo e atual 53º do ranking aos 38 anos segue sem títulos desde 2017, quando foi campeão em Genebra. Ele chegou a vencer dois top 10 neste ano, Holger Rune em Indian Wells e Frances Tiafoe em Cincinnati.

O adversário de Van Assche nas quartas será o também francês Pierre-Hugues Herbert, que recebeu convite e venceu o lucky-loser holandês Gijs Brouwer por 7/5 e 6/4. O confronto entre eles é inédito no circuito profissional. Herbert, de 32 anos, já foi top 40 em simples, mas ocupa hoje apenas o 344º lugar do ranking.

Fognini salva três match-points e avança às quartas


O italiano Fabio Fognini avançou às quartas de final depois de salvar três match-points na partida contra o cazaque, 32º do ranking, e vencer por 4/6, 7/6 (9-7) e 7/6 (7-5). Ex-top 10, Fognini está com 36 anos e ocupa a 130ª posição. Ele enfrenta o também italiano Lorenzo Sonego, atual campeão do torneio, que venceu o jovem jordaniano de 19 anos Abdullah Shelbayh por 6/3 e 7/5.

Quem também avançou às quartas foi o russo Alexander Shevchenko. Ele superou o lucky-loser húngaro Mate Valkusz por 7/5, 2/6 e 6/2 e garantiu o duelo contra o também russo Karen Khachanov, número 15 do mundo e jogador de melhor ranking no torneio após as desistências de Holger Rune e Casper Ruud. O outro confronto será entre os também franceses Ugo Humbert e Harold Mayot.

PUBLICIDADE

VÍDEOS

Alcaraz e Murray: treino entre campeões em Queen's

Os melhores lances da campeã Boulter na grama de Nottingham

PUBLICIDADE