PLACAR

Stefani e Ingrid aprovam parceria e vão a Zhengzhou

Foto: China Open

Pequim (China) – Parceiras de duplas pela primeira vez na temporada, Luísa Stefani e Ingrid Martins avaliaram de forma positiva a semana no WTA 1000 de Pequim. As brasileiras conseguiram três vitórias, duas delas contra cabeças de chave, e só foram superadas na semifinal deste sábado. Elas jogam juntas em mais um torneio na China, o WTA 500 de Zhengzhou, que acontece na próxima semana.

As principais vitórias em Pequim foram contra as norte-americanas Coco Gauff e Jessica Pegula, cabeças 2 do torneio já classificadas para o Finals, e também diante da experiente parceria de Laura Siegemund e Zvonareva, finalistas do US Open.

“Foi uma excelente semana com a Ingrid. Tivemos grandes jogos aqui e temos mais uma semana para fazer melhor em Zhengzhou. Não vamos deixar nos abalar com essa derrota da semifinal, que é importante para a gente aprender também”, disse Luísa Stefani, paulista de 26 anos e atual número 10 do mundo entre as especialistas em duplas.

Já a carioca Ingrid Martins, de 27 anos, é atual 59ª no ranking, mas entrará no top 50 após o torneio. “Foi uma ótima semana para a gente, a primeira vez jogando juntas no ano e só tiro coisas positivas. Conseguimos vencer adversárias de alto nível”.

Derrota na semifinal em Pequim
Na semifinal deste sábado, Stefani e Ingrid foram superadas pela tcheca Marie Bouzkova e a espanhola Sara Sorribes, com duplo 6/2 em 1h13 de partida. “Talvez um dos meus piores jogos do ano, não sei se de nível mas definitivamente de feeling. Não conseguimos aproveitar nenhuma oportunidade de quebra no saque delas. Não incomodamos, condições difíceis, elas meteram muitas bolas, é o jogo delas. Uma partida para aprender”, comentou Stefani, destacando as condições mais lentas da partida noturna em Pequim.

“As adversárias estavam mais sólidas que a gente, fizeram melhores escolhas. A gente não conseguiu se encontrar muito no jogo e falhamos em algumas execuções. Mas faz parte”, explicou Ingrid. “É pegar como aprendizado e ajustar os detalhes para o próximo torneio, em Zhengzhou, na semana que vem”.

Chance de reencontro com Dabrowski nas quartas
Luísa Stefani e Ingrid Martins disputam nesta semana o WTA 500 de Zhengzhou. Elas estreiam contra a ucraniana Nadiia Kichenok e a romena Monica Niculescu. Em caso de vitória, podem enfrentar nas quartas as principais cabeças de chave e campeãs do US Open, Gabriela Dabrowski (antiga parceira de Stefani) e Erin Routliffe, que jogam a primeira fase contra a eslovaca Tereza Mihalikova e a chinesa Yifan Xu.

PUBLICIDADE

VÍDEOS

Alcaraz e Murray: treino entre campeões em Queen's

Os melhores lances da campeã Boulter na grama de Nottingham

PUBLICIDADE