PLACAR

Ruud vence batalha de cinco sets, Rune também sobrevive

Foto: FFT

Paris (França) – No jogo de encerramento da rodada na Suzanne Lenglen, Casper Ruud precisou suar a camisa para avançar à terceira rodada de Roland Garros. Vice-campeão nas últimas duas edições e sétimo principal favorito da chave, o norueguês enfrentou um aguerrido Alejandro Davidovich Fokina, precisando de 4h08 para marcar as parciais de 7/6 (7-5), 1/6, 6/3, 4/6 e 6/3.

Esta foi a 14ª vitória de Ruud nos últimos 16 jogos em Paris e apenas a segunda em jogos de cinco sets desde que essa sequência começou em 2022. Naquele ano, ele também precisou ir à parcial decisiva contra o italiano Lorenzo Sonego na terceira rodada.

Seu adversário na próxima fase sairá do duelo entre o argentino Tomas Etcheverry e o francês Arthur Rinderknech, que ainda estão em quadra no último duelo desta quinta-feira. Em ambos os casos, Ruud leva vantagem de 2 a 0 no confronto direto, tendo vencido Etcheverry em Pequim no ano passado e Barcelona nesta temporada, enquanto superou Rinderknech em Kitzbuhel há três anos e em Roma em 2023.

+ Clique aqui e siga o Canal do TenisBrasil no WhatsApp

Já o eliminado Fokina fica pelo caminho mais uma vez e sequer iguala seu último resultado no torneio. Quadrifinalista em 2021, naquela que foi sua melhor campanha em Grand Slam, o espanhol de 24 anos não passou da estreia em 2022 e chegou à terceira fase na última temporada. Atualmente, ele é o 32º colocado no ranking da ATP.

Rune sobrevive a italiano e enfrenta algoz de Khachanov

Em outros dois jogos com mais de três horas de duração e cinco sets disputados, mais um confronto de terceira rodada foi definido. Na Quadra 14, o dinamarquês Holger Rune abriu dois sets de frente e tudo parecia caminhar para uma vitória tranquila, mas o italiano Flavio Cobolli mudou o rumo do jogo e teve chances de virar a partida, mas não aproveitou.

Depois de salvar três break-points no nono game do quinto set e de estar perdendo por 0-5 no tiebreak decisivo, Rune mostrou força para reagir e venceu dez dos últimos 12 pontos da partida, sacramentando o triunfo por 6/4, 6/3, 3/6, 3/6 e 7/6 (10-7).

O cabeça de chave 13 terá pela frente um duelo contra o surpreendente qualifier eslovaco Jozef Kovalik, apenas 145º do ranking, que virou uma partida complicadíssima diante do russo Karen Khachanov, 18º principal favorito da competição, marcando as parciais de 4/6, 4/6, 6/4, 6/3 e 6/4 em 3h28 de disputa na Quadra 9. O vencedor deste confronto pode cruzar nas oitavas de final com o alemão Alexander Zverev, que encara o holandês Tallon Griekspoor.

4 Comentários
Oldest
Newest Most Voted
Inline Feedbacks
Ver todos os comentários
Federer eterno GOAT
Federer eterno GOAT
23 dias atrás

ótima atuação do Ruud contra o talentosíssimo Fokina, que certamente será um dos principais nomes do circuito pelos próximos anos… jogos assim são bons pra criar casca… Ruud cada vez mais favorito ao título

Paulo Almeida
Paulo Almeida
23 dias atrás
Responder para  Federer eterno GOAT

Favorito precisando de 5 sets contra o Fokina mental de geleia? Kkkkkkk

Andrade
Andrade
22 dias atrás
Responder para  Federer eterno GOAT

Vc é muito fã do norueguês, daqui a pouco mudará o nome pra “Ruud eterno GOAT”.

José Alexandre
José Alexandre
23 dias atrás

Se a próxima rodada fosse Ruud X Nole apostaria tudo no sérvio

PUBLICIDADE

VÍDEOS

Alcaraz e Murray: treino entre campeões em Queen's

Os melhores lances da campeã Boulter na grama de Nottingham

PUBLICIDADE