PLACAR

Ruud e Tiafoe avançam, Rune para em espanhol

Foto: Pete Staples/USTA

Nova York (EUA) – Com a difícil missão de defender a final do ano passado, o norueguês Casper Ruud chegou ao US Open com apenas uma vitória em três partidas em Toronto e Cincinnati, mas conseguiu estreia vitoriosa nesta segunda-feira, ao superar o qualificado Emilio Nava em quatro sets, com as parciais de 7/6 (7-5), 3/6, 6/4 e 7/6 (7-5).

O dinamarquês Holger Rune também chegou a Flushing Meadows com pouca quilometragem nos torneios preparatórios, mas não escapou de frustrante derrota para o consistente espanhol Roberto Carballes, com placar de 6/3, 4/6, 6/3 e 6/2. Este foi de longe o pior resultado de Rune em seus cinco últimos Grand Slam, tendo feito quartas de final em Roland Garros e Wimbledon e oitavas no Australian Open.

Grande esperança da casa, o cabeça 10 Frances Tiafoe teve vitória quase protocolar diante do compatriota Learner Tien, convidado canhoto de 17 anos, e passou sem sustos, por 6/2, 7/5 e 6/1. No ano passado, Tiafoe teve campanha espetacular e atingiu sua primeira semifinal de Slam da carreira.

Na segunda rodada, Ruud terá pela frente o chinês Zhizhen Zhang, que ganhou uma longa partida diante do norte-americano J.J. Wolf, por 7/5, 7/5, 6/7 (5-7), 4/6 e 6/3. No quadrante do cabeça 5 figura o norte-americano Sebastian Korda, que é incógnita após abandono em Cincinnati.

Carballes por sua vez enfrenta o russo Aslan Karatsev, que venceu o tcheco Jiri Lehecka por triplo 6/3. Este é o quadrante onde Dominic Thiem e Brian Shelton irão duelar por vaga na terceira rodada após boas vitórias nesta segunda-feira.

O adversário de Tiafoe será o austríaco Sebastian Ofner, que ganhou dois tiebreaks para eliminar o português Nuno Borges, parciais de 7/6 (7-5), 3/6, 7/6 (9-7) e 6/4. Quem vencer, buscará oitavas de final contra Adrian Mannarino ou o húngaro Fabian Marozsan.

PUBLICIDADE

VÍDEOS

Bopanna entra para a história do tênis aos 43 anos

A emoção de Hsieh e Mertens com o novo título de Slam

PUBLICIDADE