PLACAR

Rune: “Foi mais uma grande batalha com Novak”

Foto: Corinne Dubreuil/ATP Tour

Turim (Itália) – Assim como aconteceu semanas atrás em Paris, o sérvio Novak Djokovic levou a melhor sobre Holger Rune na estreia de ambos no ATP Finals neste domingo. O dinamarquês deu bastante trabalho ao número 1 do mundo, que precisou de três sets e mais de três horas de partida para anotar sua terceira vitória em cinco confrontos com o rival.

“Foi um bom jogo, nós dois começamos bem com o saque. Consegui quebrá-lo cedo, mas ele devolveu. O primeiro set foi bastante equilibrado. Acho que tive a chance de fazer 3/0 no segundo set, mas não o fiz e ele conseguiu voltar. Venci o segundo e deixei o jogo emocionante. Foi mais uma grande batalha com Novak”, analisou o dinamarquês.

+ Clique aqui e siga o Canal do TenisBrasil no whatsapp

“Fazemos ótimos jogos quando nos enfrentamos. Infelizmente não consegui hoje, mas é o que é. Tenho que seguir em frente, manter o que fiz bem e mudar o que não acertei, treinar amanhã e tentar melhorar. Acho que estive em um nível superior ao de Paris e estou orgulhoso disso”, acrescentou Rune.

Elogiado após a partida por Djokovic, que vê o jogo do dinamarquês parecido com o seu, Rune agradeceu as palavras do líder do ranking, mas mostrou ter um ponto de vista diferente. “É um elogio ele dizer que jogamos de forma semelhante, mas não vejo assim. É bom ser comparado a ele, que é um dos melhores do tênis”, observou o tenista de 20 anos, que saiu satisfeito com o desempenho físico.

“Fisicamente tenho me sentido bem. Jogamos durante três horas, eu estava preparado para mais se necessário e tenho certeza que ele também. Tentei administrar minha energia da melhor maneira possível e não gastá-la desnecessariamente”, afirmou Rune.

O dinamarquês também falou sobre a presença de Boris Becker em seu box. “Nosso relacionamento é muito bom, ele já esteve lá muitas vezes e isso ajuda. Pode passar sua experiência sobre como controlar as coisas na quadra e também fora dela. Tive também um grande apoio da minha equipe em pequenas coisas fundamentais para me manter focado em servir. O primeiro saque é muito importante contra Novak”, finalizou.

PUBLICIDADE

VÍDEOS

Karlovic oficializa aposentadoria e recebe homenagem da ATP

O melhor duelo entre Djokovic e Murray? Reveja Qatar em 2017

PUBLICIDADE