PLACAR

Rune explica motivo de sua separação de Mouratoglou

Foto: Reprodução/Twitter

Melbourne (Austrália) – Trabalhando agora com o alemão Boris Becker, o dinamarquês Holger Rune relatou por que se separou do treinador Patrick Mouratoglou na segunda temporada do documentário da Netflix “Break Point”.

“Foi difícil com a situação do treinador. As pessoas que contrato têm que me ajudar. Às vezes eu penso: ‘Por que você está aqui?’ ‘Você está fazendo um trabalho bom o suficiente?’”, disse o jovem de 20 anos sobre trabalhar com Mouratoglou.

+ Clique aqui e siga o Canal do TenisBrasil no whatsapp

Rune indicou que foi mais uma questão de encaixe entre os dois, que não estava acontecendo. “Claro que a culpa é minha também, mas não tive a sensação de que Patrick era a pessoa certa para mim naquele momento”, analisou o número 9 do mundo.

Em outubro de 2022, Rune anunciou sua cooperação com o treinador francês e pouco tempo depois venceu o Masters 1000 de Paris, o seu maior sucesso até o momento. A separação provisória ocorreu em abril de 2023, mas o rompimento definitivo veio apenas depois do US Open.

PUBLICIDADE

VÍDEOS

Bopanna entra para a história do tênis aos 43 anos

A emoção de Hsieh e Mertens com o novo título de Slam

PUBLICIDADE