PLACAR

Monteiro vence duelo nacional e gruda no top 100

Foto: Fotojump

Rio de Janeiro (RJ) – Em duelo 100% brasileiro pela segunda rodada do Rio Open, o cearense Thiago Monteiro levou a melhor sobre o paulista Felipe Meligeni e se garantiu nas quartas de final do torneio. Aproveitando da maior experiência, o canhoto de Fortaleza cresceu nos momentos importantes e triunfou em sets diretos, com parciais de 7/5 e 6/3, depois de 1h42 de confronto. Esta é a segunda vez que Monteiro faz quartas no Rio Open, repetindo a campanha de 2017.

A campanha de Monteiro nesta semana no ATP 500 carioca lhe garante 100 pontos no ranking, que o deixará bem perto de retornar ao top 100. Atual 117 do mundo, ele está subindo provisoriamente para o 102º lugar e poderá voltar ao grupo dos 100 melhores se vencer mais uma. Seu próximo adversário será o argentino Sebastian Baez. O cearense tem uma vitória e uma derrota contra Baez em torneios da ATP em 2022, com a vitória justamente no Rio, e o argentino tem duas vitórias em challengers no ano de 2021.

Cabeça de chave número 5, Baez também superou um embate de compatriotas na segunda rodada, levando a melhor sobre o embalado Facundo Diaz Acosta, que vinha do título do ATP 250 de Buenos Aires e da vitória sobre o suíço Stan Wawrinka na estreia no Rio, mas não foi páreo para o atual 30 do mundo, que marcou placar final de 7/6 (7-1) e 6/3.

Monteiro volta a disputar uma partida de quartas de final em nível ATP depois de quase um ano inteiro, já que não ia tão longe desde Santiago em 2023, quando parou em Jaume Munar justamente nesta fase. Ele tem apenas duas vitórias em 12 participações em quartas, sendo que nunca disputou uma decisão de ATP 250 para cima. Suas semifinais foram no saibro de Quito em 2018 e no piso duro de Melbourne em 2021.

+ Clique aqui e siga o Canal do TenisBrasil no whatsapp

Equilibrado, o jogo começou melhor para Felipe, que conquistou uma quebra logo no terceiro game. Depois disso a igualdade prevaleceu e os sacadores foram confirmando até o oitavo game, quando Monteiro conseguiu devolver a quebra em momento delicado, evitando deixar que o rival sacasse para o set. Naquele game, o paulista errou um smash e jogou uma direita para fora, permitindo o empate.

Na reta final do set, o cearense era o jogador mais consistente em quadra e passou a pressionar o saque de Meligeni com mais frequência. Ele deixou escapar dois set-points no serviço de Meligeni no 10º game, mas dois games mais tarde anotou uma nova quebra que definiu a parcial. A atmosfera do público era bastante dividida durante toda a partida e era possível escutar gritos de apoio para os dois brasileiros.

Assim como no set anterior, o segundo também foi bem próximo, sem que algum dos dois brasileiros sobressaísse. A experiência de Monteiro foi importante, já que novamente ele cresceu na reta final, anotou uma quebra importante no oitavo para sacar com 5/3 no placar e confirmar o serviço de zero, fechando logo no primeiro match-point que teve. Meligeni terminou o jogo com mais winners, 27 a 20, mas cometeu 25 erros não-forçados contra apenas 15 de Monteiro. O cearense só enfrentou um break-point em toda a partida e aproveitou três de suas sete chances de quebra.

30 Comentários
Oldest
Newest Most Voted
Inline Feedbacks
Ver todos os comentários
Leo, o realista
Leo, o realista
1 mês atrás

O tenis é assim mesmo. Às vezes, pode não estar jogando bem, mas se pega um w.o e um compatriota, o resultado vem.

Alex Gutemberg
Alex Gutemberg
1 mês atrás
Responder para  Leo, o realista

invejoso

Casagrande
Casagrande
1 mês atrás
Responder para  Leo, o realista

Hater é assim mesmo.

Cacio Luiz Crozariolo
Cacio Luiz Crozariolo
1 mês atrás
Responder para  Leo, o realista

Pelo nivel de comentário que venho acompanhando, esse é o SabãoLiquido?

Aristóteles
Aristóteles
1 mês atrás
Responder para  Cacio Luiz Crozariolo

Alcumgel kkk

Casagrande
Casagrande
1 mês atrás
Responder para  Aristóteles

Só ele mesmo. kkkk

Aristóteles
Aristóteles
1 mês atrás
Responder para  Leo, o realista

Vá chorar assim lá na ATP. Pontos computados/conquistados e cheque no bolso (bem gordo)….
Top 100 em vista.

Fernando Venezian
Fernando Venezian
1 mês atrás

A experiência do Thiagão falou mais alto! E o comentarista do Sportv mostrou que é fraco igual a gente mesmo! Falou que o argentino dificilmente passaria pelo alemão. Foi 6×1 e 6×2 pro hermano! kkkkkk

JONY MARCIO SANTOS
JONY MARCIO SANTOS
1 mês atrás

Boa vitória do Thiago. Tem poucos pontos a defender nesse primeiro semestre (fora esses 45 da semana que vem das quartas de Santiago do ano passado não tem praticamente mais nada) e tem tudo pra voltar ao Top 100, o que vai permitir a entrada nos torneios maiores. Boa semana do Meligeni também. Vai ficar beirando o Top 130 e mantendo esse ritmo deve continuar subindo. Boas perspectivas pra Top 100 até o final do ano também. E daqui a pouco tem o Fonseca ainda pra talvez colocarmos 3 tenistas nas quartas de um ATP 500.

Marcelo
Marcelo
1 mês atrás

Pelamor, se esse Meligeni não tem bola para ganhar do Monteiro pode encerrar a carreira. O Monteiro é um tenista que não tem uma bola que incomode, não tem saque matador, devolução medíocre, não é voleador, não dispara tiros do fundo, como pode o cara querer disputar o circuito de hoje em dia e tomar fumo do Monteiro assim?

Alex Gutemberg
Alex Gutemberg
1 mês atrás
Responder para  Marcelo

Quem é tu na fila do pão? Fracassado Invejoso.

Leo, o realista
Leo, o realista
1 mês atrás
Responder para  Marcelo

Concordo.

Marcus Henrique
Marcus Henrique
1 mês atrás
Responder para  Marcelo

Monteiro não tem tanta técnica quanto o Wild; mas tem muita garra. E tem recursos sim (principalmente o forehand cruzado de fundo de quadra).

Monteiro é mais jogador que o Meligeni. Mas o Felipe vai entrar no top100 também.

Pedro
Pedro
1 mês atrás
Responder para  Marcus Henrique

Concordo.

José Andrade
José Andrade
1 mês atrás

Baez será páreo duro para o Monteiro. Vai ter que jogar tudo e um pouco mais.

E. ace
E. ace
1 mês atrás

Gostei de ver o Monteiro em vez de o Meligeni na próxima fase. Acho que ele tem mais recurso e mais torcida tbm nesse Rio Open

Bukele
Bukele
1 mês atrás

Monteiro agora tem como melhores resultados na vida 2 semis de ATP 250 (Quito 2018, Melbourne 2021), 3 quartas de final em ATP 500 (Rio 2017, Hamburgo 2018, Rio 2024), além de 3a rodada em Roland Garros. As QF do Rio Open 2024 vão ser complicadas pro Monteiro e pro Wild, pois Baez e Norrie são candidatos ao título. Quem ganhar deles vira candidato também.

Juscelino Pinho
Juscelino Pinho
1 mês atrás

Monteiro supera suas limitações. Merece nossa admiração e respeito.

Evandro
Evandro
1 mês atrás

Monteiro deixando os haters em polvorosa!! O ceará não entrega a rapadura presses caras kkkkkkk

Jorge Luiz
Jorge Luiz
1 mês atrás

Parabéns Monteiro semana promete, Meligeni também está bem, Monteiro tem boas chances contra o Baez

Marcus Henrique
Marcus Henrique
1 mês atrás

Incrível como os xenófobos bolsominions e haters não dão o braço a torcer pra reconhecer os méritos das vitórias do Monteiro…

Se tem um cara que merece voltar ao top100, esse cara é o Monteiro. O que ele não tem de técnica, ele covre com SUPERAÇÃO e GARRA.

Hoje Monteiro deu aula de tênis, controlando o Felipe que tava nitidamente empolgado e jogando com a torcida. Monteiro soube reverter um 4 a 2 desfavorável no 1º set, e definiu o jogo ali…

CARLOS DA SILVA SEIXAS LIMA
CARLOS DA SILVA SEIXAS LIMA
1 mês atrás

Felipe precisa urgente melhorar a movimentação. Tem bons golpes mas as pernas são ruins, 90% dos brasileiros tem esse defeito. O Wild tinha esse defeito e melhorou, poderia focar nisso. Veja o Monteiro, jogo comum mas se movimenta bem na quadra

Pedro
Pedro
1 mês atrás

Verdade

Marcus Henrique
Marcus Henrique
1 mês atrás

Acho que mesmo tendo mais recursos técnicos que o Monteiro, o jogo do Wild é mais duro.

Monteiro tem mais chances contra o Baez, jogando com apoio da torcida.

Márcio
Márcio
1 mês atrás

Excelente a partida do Thiago, não deu chances ao Felipe que, por sua vez, tbm está de parabéns pelas vitorias no torneio! Tá beirando o top 100!! Baez joga muito e será favorito, mas acredito que o “fator casa” poderá fazer diferença. Semana histórica dos brasileiros!

Pedro
Pedro
1 mês atrás

Torço demais pelo monteiro. Educado em quadra, não dá chilique e é o brasileiro mais preparado fisicamente (não estou falando mal da barriguinha do Wild kkk).

Haroldo Guimarães
Haroldo Guimarães
1 mês atrás
Responder para  Pedro

Tb torço pro Monteiro, levou vantagem de entrar maus descansado e não ter jogo contra Alcaraz. Felipe veio do quali. Mas Monteiro tem mais recursos em uma partida. Quanto ao Wild… amadureceu… tá outro jogador, sem chiliques…e sem barriga.kkkkk

Henrique
Henrique
1 mês atrás

E dá pra passar o carro em cima do Baez!

Marco Antônio Varella
Marco Antônio Varella
1 mês atrás

Boa vitória. Estava mais descansado, mas ele não tem nada a ver com isso. Mas a partida não foi de um nível técnico tão bom assim.

Matheus Ferreira
Matheus Ferreira
1 mês atrás

Monteirão da massa rumo ao top 100!!!

PUBLICIDADE

VÍDEOS

Veja como foi a espetacular vitória de Fonseca sobre Sonego

Nadal pode ter feito seu último jogo oficial em Barcelona

PUBLICIDADE