PLACAR

Medvedev tenta evitar final de Djokovic e Alcaraz

Mike Lawrence/USTA

Nova York (EUA) – Apesar de toda expectativa por um reencontro entre Novak Djokovic e Carlos Alcaraz na final do US Open, Daniil Medvedev é um forte candidato para evitar um novo duelo entre os dois primeiros do ranking. Campeão do torneio em 2021 e número 3 do mundo, ele já conquistou cinco torneios na temporada e pode encontrar o espanhol na semifinal.

“Acho ótimo para o tênis termos esses dois caras jogando um contra o outro agora. É uma ótima história, mas quando o torneio começa e espero que possamos – quando digo ‘nós’ quero dizer, posso ser eu ou outra pessoa, vamos tentar vencê-los e impedi-los de jogar cada um outro”, disse Medvedev em sua coletiva de imprensa pré-torneio.

“Acho normal falarmos sobre eles. Não estou me sentindo mal por isso, mas vou tentar vencer. O objetivo é depois deste US Open falarmos mais de mim”, acrescentou o jogador de 27 anos, que estreia contra o húngaro Attila Balazs. Caso confirme o favoritismo, o russo certamente enfrentará um australiano, Max Purcell ou Christopher O’Connell.

Em busca do sexto título da temporada e do segudno Grand Slam da carreira, Medvedev ainda está encontrando maneiras de melhorar seu jogo. “Estou tentando trabalhar no meu saque agora. É um golpe difícil porque às vezes as margens são mínimas”, afirmou o ex-líder do ranking.

“O saque é provavelmente o golpe mais importante do tênis, porque pode te salvar muitas vezes. Você pode não estar fazendo sua melhor partida, mas o saque te salva. Você vai para o tiebreak e começa a jogar melhor. Aconteceu comigo muitas vezes. Normalmente, no US Open, por qualquer motivo, eu estava sacando ainda melhor do que normalmente faço. Espero que isso possa me ajudar”.

PUBLICIDADE

VÍDEOS

Reveja os melhores lances da final masculina de Wimbledon

Momento histórico: Hewett completa o Slam em Wimbledon

PUBLICIDADE