PLACAR

Jabeur supera problema respiratório e festeja aniversário

Foto: Andrew Ong/USTA

Nova York (EUA) – Depois de perder a recente final de Wimbledon, Ons Jabeur teve dificuldade para se manter em quadra na estreia do US Open. Apesar dos aparentes problemas para respirar, a tunisiana conseguiu derrotar Camila Osorio por 7/5 e 7/6 (7/4). Várias vezes, ela teve de se curvar, com as mãos nos joelhos, a raquete apoiando seu corpo.

Jabeur, que completou 29 anos na segunda-feira, recebeu tratamento da equipe médica no primeiro set e mediu a pressão arterial durante um intervalo. “Não foi uma partida fácil. Sei que em algum momento não tive a melhor atitude em quadra”, disse a tunisiana. “Estou feliz por ter conseguido a vitória. Principalmente por ter mostrado como posso forçar na quadra”, comentou.

 

Ver essa foto no Instagram

 

Uma publicação compartilhada por US Open (@usopen)

“Ela joga de forma inacreditável”, elogiou a adversária. A partida durou 2 horas e 2 minutos, mas pareceu muito mais longa. As duas jogadoras se abraçaram na rede por mais de 15 segundos. Questionada sobre a conversa na rede, Jabeur disse: “Ela me perguntou se estava me sentindo bem e eu disse: ‘Na verdade, não’. Pedi desculpas por chamar o médico à quadra. Mas ela aceitou muito bem e me parabenizou pela vitória”.

A quinta favorita da competição, teve o aniversário comemorado após a vitória. O apresentador a surpreendeu e puxou o “Parabéns a você” cantando pelos torcedores. A apelidada “Ministra da Felicidade” pôde sentir mais uma vez o amor dos fãs. “Sinto-me abençoada por isso”, agradeceu.

Na véspera, o verdadeiro dia de seu aniversário, Jabeur teve uma pequena comemoração com sua equipe e postou uma foto em suas redes sociais, recebendo os cumprimentos de várias jogadoras, entre elas Victoria Azarenka, Aryna Sabalenka e Belinda Bencic.

PUBLICIDADE

VÍDEOS

Alcaraz e Murray: treino entre campeões em Queen's

Os melhores lances da campeã Boulter na grama de Nottingham

PUBLICIDADE