PLACAR

Hurkacz se machuca e abandona com match-point contra

Foto: Tom Flathers/AELTC

Londres (Inglaterra) – Finalista em Halle na preparação para Wimbledon, o polonês Hubert Hurkacz começou o torneio sendo apontado como um dos nomes que poderia surpreender. Contudo, o cabeça de chave 7 não foi longe e acabou se despedindo nesta quinta-feira, desistindo na segunda rodada contra o francês Arthur Fils, que tinha match-point com o placar de 7/6 (7-2), 6/4, 2/6 e 6/6 (9-8).

Esta foi apenas a quinta vitória de Fils na grama, se tornando o mais jovem a derrotar um top 10 no All England Club desde o australiano Nick Kyrgios,em 2014, quando surpreendeu o espanhol Rafael Nadal. Depois de bater o semifinalista de Wimbledon em 2021, o francês de 20 anos terá pela frente o vencedor do duelo entre o tcheco Tomas Machac e o russo Roman Safiullin.

Fils conseguiu ser melhor do que Hurkacz com o saque no primeiro set, venceu 76% dos pontos contra 72% do rival. O bom aproveitamento de ambos fez com que nenhum deles sofresse quebra, cada um salvando dois break-points antes do tiebreak, em que o francês levou a melhor e largou na frente. Ele manteve o embalo e venceu também a segunda parcial, abrindo 2 a 0 no placar.

Pressionado, o polonês elevou o nível no terceiro set, salvou os dois break-points que enfrentou, ambos no segundo game, e anotou duas quebras para diminuir a desvantagem. Na quarta parcial, Hurkacz abriu 5/3, perdeu dois set-points no nono game e foi quebrado ao sacar para fechar. Veio então novo tiebreak, no qual ele teve 5-2 e mais um set-point e depois salvou um match-point com o saque.

Veio então o lance que definiu a partida. No 7-7, Hurkacz saltou para volear uma bola, acabou até ganhando o ponto, mas na queda machucou o joelho. Ele pediu atendimento médico e jogou mais dois pontos, abandonando quando Fils tinha 9-8 e mais um match-point.

De Minaur avança e vê chave se abrir

A desistência de Hurkacz abriu a chave para o australiano Alex de Minaur, que poderia cruzar com o polonês nas oitavas de final. O nono favorito fez a sua parte mais cedo e despachou o espanhol Jaume Munar em sets diretos, marcando parciais de 6/2, 6/2 e 7/5, depois de 2h05 de confronto. Ele espera agora pelo compatriota Thanasi Kokkinakis ou pelo francês Lucas Pouille.

Sempre bastante consistente, De Minaur terminou o jogo com 16 erros não forçados a menos do que o espanhol (20 a 36) e ainda teve duas bolas vencedoras a mais (23 a 21). O aproveitamento de saque foi bom, com 64%, mas o destaque foi mesmo a devolução, vencendo 53% dos pontos disputados.

6 Comentários
Oldest
Newest Most Voted
Inline Feedbacks
Ver todos os comentários
Alessandro Siqueira
Alessandro Siqueira
18 dias atrás

E houve quem desse como certa a surra do polonês em Djokovic pelas quartas, com direito a pneu à moda alpina…

Jonas
Jonas
18 dias atrás

Faltou um Federer no caminho…

Lee
Lee
18 dias atrás
Responder para  Jonas

Eterno Pneu em seu último jogo em Wimbledon.

Gustavo M.
Gustavo M.
18 dias atrás
Responder para  Lee

Coisa que o Nole nunca conseguiu hahahah
Mas já tomou, claro

Casagrande
Casagrande
18 dias atrás

Pô, custa jogar mais 1 ponto e terminar a partida. Bem mala fazer isso…

Henrique Max
Henrique Max
18 dias atrás
Responder para  Casagrande

Eu estava assistindo o jogo, ele se machucou com set point a favor, então tentou voltar, recebeu os 2 saques mas nem conseguiu jogar, então desistiu, mal conseguia caminhar… Ele na verdade praticamente já tinha desistido com set point a favor… Parece que foi bem séria a lesão no joelho.

PUBLICIDADE

VÍDEOS

Fils vence a grande batalha de Hamburgo em cima de Zverev

Veja como Zheng chegou ao bicampeonato em Palermo

PUBLICIDADE