PLACAR

Heide, Klier, Pucinelli e Reis largam na frente

Matheus Pucinelli. (Foto: Fotojump)

São Paulo (SP) – Gustavo Heide, Gilbert Klier, Matheus Pucinelli e João Lucas Reis estrearam com vitória na Maria Esther Bueno Cup e deram um passo importante em busca da vaga no Rio Open 2024, o torneio de nível ATP 500 que acontece de 19 a 25 de fevereiro, no Jockey.

O campeão do torneio, disputado nas quadras de saibro da Sociedade Harmonia, fica com a vaga na chave principal e o vice disputará o qualificatório.

Pelo Grupo Cássio Motta, Gustavo Heide derrotou Henrique Nogueira por 6/2 e 6/3. Já Matheus Pucinelli superou Mateus Alves, o atual campeão da competição, por 6/2 e 6/2 e destacou a força mental na primeira rodada.

“A estreia de qualquer torneio é sempre mais tensa. Foi um jogo mentalmente firme, taticamente também. Comecei com uma energia boa, consegui jogar na frente e sempre deixar o adversário pressionado. Saí com uma boa sensação de quadra”, afirmou. “Estou animado. Mesmo sendo final de temporada, estou com a cabeça boa e com muita energia”.

Já no Grupo Luiz Mattar, João Lucas Reis venceu Nicolas Oliveira por 6/0 e 6/2, enquanto Gilbert Klier derrotou Igor Gimenez por 6/1 e 6/0.

Veja a programação desta quarta-feira:

Estádio principal – 18 horas
Mateus Alves(SP) x Henrique Nogueira(SP)
Matheus Pucinelli(SP) x Gustavo Heide(SP)

14 Comentários
Oldest
Newest Most Voted
Inline Feedbacks
Ver todos os comentários
Guilherme do ES Ribeiro
Guilherme do ES Ribeiro
7 meses atrás

Boa vitória do Pucinelli. E que atropelo do Klier. Está em ótima fase

Leonel
Leonel
7 meses atrás

Klier tá vindo tratorando. Depois do Wild e do Heide(sem contusao) e também o Fonseca(campeao do USOPEN Juvenil) , o Klier é a surpresa mais agradavel do ano. Tá jogando noutro nível. Entre os mosqueteiros(pucci, Heide,João e Klier) acho que o Klier e o Heide vao se destacar mais em 2024. Wild deverá ser raquete n° 1; Monteiro n° 2; Meligeni o 3°. Fica a raquete 4° pra Heide ou Klier ao meu ver em 2024. Bora ser Feliz.

Eduardo
Eduardo
7 meses atrás
Responder para  Leonel

É, mas acredito Tb em uma recuperação do Pucci, ele caiu mto esse ano. Esperava bem mais dele. E o boscardin se conseguir melhorar o saque Tb acho que pode evoluir bem.

Haters Pé de Chinelo
Haters Pé de Chinelo
7 meses atrás

Que vença o melhor!

Li komuku
Li komuku
7 meses atrás

Belas vitórias dos brasileiros, força brasileiros!

Albert
Albert
7 meses atrás

Vai passar em algum lugar?

Marcelo Scotton
Marcelo Scotton
7 meses atrás

Deu a lógica no torneio do pesadelo. Imagino o sofrimento passado pelos expectadores de Puci x Alves. Meu Deus.

Bruno
Bruno
7 meses atrás
Responder para  Marcelo Scotton

É só não assistir.

Gabriel
Gabriel
7 meses atrás

num torneio disputado apenas entre jogadores locais, “parabenizar a vitoria dos brasileiros” eh uma exclamação que carece de logica. Eh uma geração tecnicamente fraca e nenhum deles tem a minima condição de jogar um ATP 500 atualmente. Desperdiçar um convite que poderia muito bem ser concedido a algum tenista latino-americano verdadeiramente promissor depoe contra a qualidade tecnica do Rio Open.

Marcelo Scotton
Marcelo Scotton
7 meses atrás
Responder para  Gabriel

São nossos pangarés. É o que temos. Triste realidade do tenis brasileiro. Torcendo pelo Heide, o único que pode dar em alguma coisa

Sadi
Sadi
7 meses atrás

CENSURA!!! Acabaram com o site

Guilherme Corrêa
Guilherme Corrêa
7 meses atrás

O Fonseca recebeu convite?

PUBLICIDADE

VÍDEOS

Reveja os melhores lances da final masculina de Wimbledon

Momento histórico: Hewett completa o Slam em Wimbledon

PUBLICIDADE