PLACAR

Felipe Meligeni estreia bem em challenger argentino

Foto: João Pires/Fotojump

Santa Fé (Argentina) – A estreia de Felipe Meligeni no challenger de Santa Fé foi com resultado positivo. O atual número 3 do Brasil e 142º do mundo superou nesta segunda-feira o austríaco de 21 anos Lukas Neumayer, 234º colocado, por 7/5 e 6/1 em 1h20 de partida. O resultado encerra uma sequência negativa para o paulista, superado nas oitavas em Campinas e na estreia em Buenos Aires nas últimas semanas.

Cabeça 8 do torneio, Meligeni pode enfrentar o experiente argentino de 33 anos Federico Delbonis ou o jamaicano vindo do quali Blaise Bicknell. Ele perdeu o único duelo anterior contra Delbonis, ex-top 40 e atual 291º do ranking, enquanto um duelo com Bicknell, de 21 anos e 434º colocado, seria inédito.

+ Clique aqui e siga o Canal do TenisBrasil no whatsapp

A vitória na estreia rende 7 pontos na ATP para Meligeni, que pode somar 16 pontos se chegar às quartas. O paulista de 25 anos está ganhando uma posição no ranking e pode chegar ao 137º lugar em caso de mais uma vitória. A melhor marca de sua carreira é a 129ª posição, alcançada em junho.

Meligeni começou a partida confirmando seus serviços de forma muito tranquila e só perdeu um ponto nos três primeiros games de saque. Logo depois, conseguiu sua primeira quebra e chegou a liderar o set inicial por 4/2. Neumayer buscou o empate no oitavo game e ainda teve dois break-points no 4/4, mas não os aproveitou e acabou perdendo o saque de novo, no último game do set.

Apesar de ter sofrido uma quebra de serviço logo na abertura do segundo set, Meligeni reagiu rápido. Ele buscou o empate de imediato e depois só perdeu mais dois pontos no saque até o final do jogo, conseguindo ainda duas novas quebras para terminar a partida com seis games seguidos a favor.

Boscardin e Monteiro jogam nesta terça
Dois brasileiros têm jogos marcados para esta terça-feira. Depois de passar pelo qualificatório, o catarinense Pedro Boscardin será o primeiro a entrar em quadra, por volta do meio-dia (de Brasília). O jovem de 20 anos e 427º do ranking enfrenta o espanhol Carlos Taberner, também vindo do quali e 395º colocado. O vencedor pode enfrentar outro brasileiro, o cearense Thiago Monteiro, 126º do ranking, que desafia o argentino Juan Manuel Cerúndolo, segundo cabeça de chave e 99º do mundo, no encerramento da rodada, a partir das 19h.

PUBLICIDADE

VÍDEOS

Karlovic oficializa aposentadoria e recebe homenagem da ATP

O melhor duelo entre Djokovic e Murray? Reveja Qatar em 2017

PUBLICIDADE