PLACAR

Enzo Kohlmann e Luiz Silva conquistam títulos de ITF

O paulista de 17 anos Enzo Kohlmann conquistou o ITF J200 de Santiago, em quadras de saibro no Chile. Ele venceu no último sábado o turco Atakan Karahan, 74º do ranking, por duplo 6/4.

Este é o segundo título para Kohlmann no circuito da Federação Internacional. Ele já havia vencido um torneio em São Paulo, no mês de setembro. Na semana passada, o paulista foi campeão de duplas na Argentina.

Kohlmann ocupa atualmente o 183º lugar no ranking mundial juvenil da ITF. Ele receberá 200 pontos pelo título. Para a composição do ranking são considerados os seis melhores resultados em simples e mais 25% da soma dos seis melhores resultados nas duplas. Como ele teria apenas 30 pontos a descartar, ficará entre os 120 melhores.

Enzo Kohlmann, de 17 anos, conquistou seu segundo título no circuito da ITF (Foto: Reprodução/Instagram)

Já pelo ITF J60 de Oaxaca, no México, o paulista de 16 anos Luiz Felipe Silva conquistou seu primeiro ITF. Atual 876º do ranking, ele venceu o mexicano Rafael Maya, 698º colocado, por 6/4, 3/6 e 6/2.

Luiz Silva disputou sua segunda final seguida no circuito da ITF, depois de ter ficado com o vice em Puebla, também no México, na última semana. Ele fez parte da equipe brasileira que ficou em segundo lugar no Sul-Americano de 16 anos e disputará a Copa Davis Júnior, mundial da categoria, em novembro na Espanha.

Luiz Felipe Silva jogou duas finais no México e conquistou o primeiro título (Foto: Acervo pessoal)

Gabriel Nogueira vence nas duplas na França
Outro brasileiro a vencer um torneio da ITF nesta semana foi Gabriel Nogueira, de apenas 15 anos, campeão de duplas no ITF J30 Ponts de Ce, em quadras duras na França. Nogueira e o francês Yannis Batsabaken venceram na final os também anfitriões Timothee Andriveau e Charles De Saint Laumer por 7/5 e 6/1.

Thomas Miranda campeão nos 16 anos no Chile
Em uma final brasileira, Thomas Miranda conquistou o título na categoria 16 anos em Santiago. Ele superou na final Tomas Macedo por 6/1 e 6/3. Já na categoria 14 anos Henrique Vialle ficou com o vice, superado pelo argentino Demian Agustin Luna na final por 7/5, 2/6 e 7/5.

Jornalista de TenisBrasil e frequentador dee Challengers e Futures. Já trabalhou para CBT, Revista Tênis e redações do Terra Magazine e Gazeta Esportiva. Neste blog, fala sobre o circuito juvenil e promessas do tênis nacional e internacional.
Jornalista de TenisBrasil e frequentador dee Challengers e Futures. Já trabalhou para CBT, Revista Tênis e redações do Terra Magazine e Gazeta Esportiva. Neste blog, fala sobre o circuito juvenil e promessas do tênis nacional e internacional.

PUBLICIDADE

VÍDEOS

Quando os tenistas se machucam, mas ainda vencem

ATP seleciona as 10 melhores jogadas do ATP FInals