PLACAR

Dodig é bi de duplas, Austin assume número 1

Foto: Peter Staples/ATP Tour

Paris (França) – Campeão de Roland Garros em 2015 ao lado do mineiro Marcelo Melo, o croata Ivan Dodig conquistou neste sábado o bicampeonato neste ano ao lado do norte-americano Austin Krajicek, que além de seu primeiro título de Grand Slam também passa a ser um inédito número 1 do mundo do ranking de duplas.

Dodig e Krajicek fizeram um primeiro set apertado, mas depois superaram com inesperada facilidade o dueto belga formado por Sander Gille e Joran Vliegen, com parciais de 6/3 e 6/1.

Atual número 5 do mundo, Krajicek tem de 32 anos e chega ao 10º título no circuito, cinco deles ao lado do parceiro croata, com quem venceu o ATP 500 de Roterdã e o Masters 1000 de Monte Carlo nesta temporada.

Dodig, de 38 anos, recupera por sua vez o quarto posto do ranking, igualando seu recorde pessoal de 2015. Este é seu 22º título no geral e o terceiro de Grand Slam, já que faturou o Australian Open de 2021 ao lado de Filip Polasek.

A parceria belga chegou a uma decisão de Slam pela primeira vez e todos seus títulos era de nível ATP 250. Gille é o atual 40 do mundo nas duplas e Vliegen aparece na 41ª colocação.

Na cerimônia, Dodig reclamou da organização do torneio. “Este é meu quarto troféu aqui, tenho sete Slam no total e fico triste por não receber o mesmo tratamento que qualquer atleta merece”, disparou. “Temos que receber as mesmas condições de competição. Nos últimos 15 dias, tive de vir para o estádio de táxi, chegando tarde para o aquecimento porque por vezes demorava 40 minutos para aparecer um táxi. Me senti um turista em Paris. Espero que no ano que vem seja melhor”.

 

PUBLICIDADE

VÍDEOS

Toda a comemoração de Alcaraz na conquista de Roland Garros

Jannik Sinner é o 29º homem a liderar o ranking profissional

PUBLICIDADE