PLACAR

Dimitrov vence Monfils após dez anos e vai às oitavas

Grigor Dimitrov (Foto: AELTC)

Londres (Inglaterra) – Em mais um duelo de jogadores acima dos 33 anos, Grigor Dimitrov voltou a vencer Gael Monfils após dez anos. Na segunda partida do dia na Quadra 1, o búlgaro precisou de 1h47 para marcar as parciais de 6/3, 6/4 e 6/3 e assim garantir seu retorno às oitavas de final em Wimbledon.

Esta foi a segunda vitória de Dimitrov contra o rival francês em seis jogos disputados, e a primeira em Grand Slam, depois de duas derrotas no US Open, em 2011 e 2014. Eles não se enfrentavam desde 2016, quando Monfils triunfou de virada no Masters 1000 de Miami.

Semifinalista no All England Club há uma década exata, o búlgaro já iguala a campanha da temporada passada e disputará a segunda semana do torneio britânico apenas pela quarta vez em 14 participações. Neste ano, ele chegou à terceira rodada no Australian Open e fez quartas em Roland Garros.

+ Clique aqui e siga o Canal do TenisBrasil no WhatsApp

“Estou muito feliz por jogar na coberta hoje”, brincou Dimitrov, referindo-se ao problema climático. “A quadra também ficou mais rápida. Venho jogando o melhor tênis dos últimos anos, o mais importante é que estou me divertindo em quadra”, complementou após o triunfo desta sexta-feira.

Já garantido nas oitavas, Grigor Dimitrov espera por Daniil Medvedev ou Jan-Lennard Struff. O russo vencia por 2 sets a 1, quando o jogo foi interrompido pela chuva com empate por 1/1 na quarta parcial. O búlgaro de 33 anos tem vantagem de 4 a 2 contra o alemão e leva a pior por 7 a 3 diante de Medvedev. No entanto, o ex-top 3 venceu o único duelo na grama, em Queen’s há sete anos.

Por sua vez, Monfils continua sem ir longe em Londres, acumulando agora 12 eliminações na primeira semana em 13 tentativas. Seu melhor resultado na competição aconteceu em 2018, quando parou nas oitavas de final. Ao menos esta foi sua melhor campanha em Slam na atual temporada, depois de cair na segunda fase em Melbourne e Paris.

PUBLICIDADE

VÍDEOS

Reveja os melhores lances da final masculina de Wimbledon

Momento histórico: Hewett completa o Slam em Wimbledon

PUBLICIDADE