PLACAR

Bia e Vika levam dura virada das campeãs de 2020

Foto: Brad Penner/USTA

Nova York (EUA) – A parceria da paulista Beatriz Haddad Maia com a bielorrussa Victoria Azarenka sofreu uma dura virada das campeãs de 2020 do US Open, a alemã Laura Siegemund e a russa Vera Zvonareva, caindo nas quartas de final com o placar final de 5/7, 7/5 e 6/4, depois de 3h13 de batalha.

Depois de eliminar Bia das duplas, Siegemund e Zvonareva podem derrubar mais uma brasileira na próxima fase. Nas semifinais, elas medirão forças com a paulista Luisa Stefani e a tenista da casa Jennifer Brady,que um dia antes bateram a polonesa Magda Linette e a norte-americana Bernarda Pera.

Com a campanha em Nova York ao lado de Vika, a canhota paulista está subindo provisoriamente três posições no ranking de duplas e indo para o 13º lugar, apenas três abaixo do 10º, que é até então sua melhor marca nas duplas.

No primeiro set, Siegemund e Zvonareva largaram na frente e abriram 3/1. A vantagem não se sustentou por muito tempo, com Bia e Vika devolvendo o break no sexto game para fazer 3/3. Depois disso, as duplas trocaram quebras no sétimo e oitavo games e a igualdade permaneceu até o 12º, quando a brasileira e a bielorrussa bateram o saque das rivais para fechar a parcial.

A alemã e a russa novamente saíram na frente e venceram os dois primeiros games do segundo set. Outra vez, Bia e Azarenka reagiram e buscaram o empate, devolvendo o break no sexto game. Elas perderam chance de ouro no oitavo, quando as rivais sacaram em 0-40 e então salvaram pela primeira vez na partida não apenas um, mas três break-points seguidos.

Bia e Vika salvaram dois break-points no nono e mais três no 11º, quando acabaram perdendo o saque de novo. No game seguinte, elas até tiveram uma chance de devolver a quebra, mas não aproveitaram e viram a alemã e a russa fecharem no segundo set-point e assim deixar o jogo empatado.

No terceiro e decisivo set, uma quebra solitária no terceiro game, para Siegemund e Zvonareva, acabou definindo o jogo. A paulista e a bielorrussa tiveram um break-point no quarto, não aproveitaram e acabaram amargando a virada. Esta foi a 16ª partida das duas juntas, somando 11 vitórias e 5 derrotas.

PUBLICIDADE

VÍDEOS

Bopanna entra para a história do tênis aos 43 anos

A emoção de Hsieh e Mertens com o novo título de Slam

PUBLICIDADE