PLACAR

Bia dispara 23 winners e empata confronto

Foto: Alex Coppel/Tennis Australia

Perth (Austrália) – Ágil com as pernas para tirar o máximo de seu excelente forehand, com o qual marcou 21 de seus 23 winners na partida, Beatriz Haddad Maia começou a temporada 2024 com importante vitória. Após primeiro set difícil e momento instável na outra série, a canhota justificou sua condição de 11ª do mundo e derrotou Sara Sorribes, por 7/6 (7-1) e 6/2 no piso sintético de Perth, em duelo de duas horas.

Com isso, obteve o importante empate para o Brasil no duelo contra a Espanha que abre o grupo A da United Cup. Pouco antes, Thiago Wild havia perdido para Alejandro Davidovich, por 6/4 e 6/0, e assim a decisão do primeiro vencedor do torneio acontecerá na partida de duplas mistas.

Ao vencer a número 48 do ranking, Bia também soma 35 pontos no ranking, conforme o regulamento da competição. Na rodada noturna de sábado (que equivale às 6h de Brasília), ela reencontrará a número 1 do mundo Iga Swiatek no confronto contra a favorita Polônia, que também tem Hubert Hurkacz.

Primeiro set de riscos
Como se tornou hábito entre as duas, o jogo foi marcado por muitos pontos longos, correria e alternâncias. Desde o início, Bia mostrou-se determinada a atacar, o que acabou lhe dando grande vantagem nos winners (14 a 5), mas também nos erros não forçados (26 a 11).

Com uma postura nova em quadra, em que procurou fugir muito mais do backhand para usar um forehand bem agressivo e com ótimos ângulos, Bia esteve duas vezes à frente do placar, com quebras obtidas nos terceiro e 11º games, porém em ambos a espanhola reagiu imediatamente, com excelente trabalho defensivo.

Veio o tiebreak e aí a brasileira foi impecável. Manteve o padrão ofensivo com qualidade tanto nas devoluções como em dois ótimos voleios e isso encurralou Sorribes, que fez seu único ponto graças a um lance corajoso junto à rede. No mais, foi amplamente dominada pela 11ª do ranking.

Reação no segundo set
Por uma aparente perda momentânea de concentração, Bia começou o segundo set de forma muito irregular, perdeu logo seu primeiro game de serviço e por muito pouco não permitiu 0/3 à espanhola. Mas escapou do break-point, o que se mostraria crucial para uma fantástica reação.

O forehand recuperou a precisão e a brasileira pouco a pouco dominou as ações de fundo de quadra. Mostrou paciência, usou curtas e as devoluções forçadas induziram Sorribes a cometer duplas faltas em momentos cruciais. Bia ganhou cinco games consecutivos e completou a importante vitória, sua quarta sobre Sorribes em seis confrontos já disputados.

8 Comentários
Oldest
Newest Most Voted
Inline Feedbacks
Ver todos os comentários
NFdS
NFdS
5 meses atrás

Grande Bia! Começando o ano com o pé direito.
Primeiro set sofrido, mas depois se impôs como uma top 11.
Agora é curtir o jogo com a Iga!
VqV!!!

Edinhoi Godoy
Edinhoi Godoy
5 meses atrás

Vamooooooooooooo!!!

Ubiratan (Black)
5 meses atrás

Vamos pra cima!
Poderia ter tido menos erros no 1S, principalmente, e primeiro serviço não entrando também, daí facilitou muito para a Sorribes se manter mais no jogo mas deu tudo certo e no 2S foi tranquilo.
Vamos ganhar essa dupla!!

Paulo A.
Paulo A.
5 meses atrás

Início de temporada excelente e promissor. Mais do que a vitória sobre uma adversária muito encardida, é animador ver a Bia jogando bem e trazendo novidades em seu jogo. Ela é demaisss.

Beto_poa
Beto_poa
5 meses atrás

Foi um excelente resultado ganhar e jogando bem contra uma jogadora raçuda como a Sara logo no inicio da temporada.

Roberto
Roberto
5 meses atrás

Beatriz Maia, joga muito bem. Sempre na torcida por essa jogadora fantástica. Depois de décadas sem uma top, é uma satisfação torcer por ela.

Nerilton Antonio do Amaral
Nerilton Antonio do Amaral
5 meses atrás

Muito bom

Carlos Alberto Ribeiro da Silva
Carlos Alberto Ribeiro da Silva
5 meses atrás

Grande jogo e grande começo de temporada da Beatriz Haddad Maia. A parte mental parece estar mais forte e mais tranquila, ela já não sente tanto a pressão quando joga como favorita e, se conseguir manter o nível e até evoluir um pouco, pode entrar no top 10 e se manter por lá por um tempo. Quem sabe consiga se colocar entre as oito melhores da temporada e disputar o WTA Finals no final do ano. Vamo que vamo Bia. O jogo contra a Iga será um ótimo desafio.

PUBLICIDADE

VÍDEOS

Toda a comemoração de Alcaraz na conquista de Roland Garros

Jannik Sinner é o 29º homem a liderar o ranking profissional

PUBLICIDADE