PLACAR

Beach: mineiro de BH supera tenista local em Juiz de Fora

Foto: EliezerEsportes
Juiz de Fora (MG) – Muita emoção no primeiro dia do Batata Bowl Classic Beach, primeira competição internacional de beach tennis da história de Juiz de Fora. A torcida encheu as arquibancadas do Orla Beach Sports até as últimas horas desta terça-feira para torcer pelo atleta da casa, que chegou à final do BT 10, mas acabou com o vice-campeonato.

Natural de Juiz de Fora, Gustavo Kirchmayer, de 19 anos, atuando ao lado de Alex Junges, foi derrotado na decisão pela parceria formada por Daniel Maia e Gustavo Gomes, com parciais de 6/3, 5/7 e 10/6 para os campeões, que somaram 10 pontos no ranking da Federação Internacional.

O atleta de Belo Horizonte Gustavo Gomes, de 18 anos, agradeceu ao treinador, patrocinador, amigos e familiares presentes. “Confesso que estou um pouco cansado. A semifinal foi muito dura e a decisão ainda mais. A fase dos nossos adversários é muito boa, jogaram demais. Mas no super tie-break, voltamos com muita energia e conseguimos ficar com o título”, vibrou o mineiro, também campeão com Daniel Maia no BT10 Batata Bowl International Cup em maio.

Já na chave feminina, o título ficou com a dupla favorita das paulistas Bruna Macedo e Rafaela Gallias, que venceram as quatro partidas sem perder sequer um set. Com 24 anos, Gallias faturou seu segundo título de BT10 na temporada.

A competição internacional no Orla Beach Sports vai até o domingo, dia 20. Nesta quarta-feira, Rafael Moura, o He Man, ex-craque de futebol do América (MG), Atlético (MG), Corinthians, Internacional, Botafogo, Fluminense, entre outros, estreia em mais um torneio BT10, ao lado de João Henriques. Atleta e professor do Orla Beach Sports, Bernardo Ferreira jogará ao lado de Victor Pereira. Lucas Macedo jogará com Bernardo Horta.

A quinta-feira segue com o BT 10 e a partir da sexta-feira, dia 18, começam as disputas do ITF BT 50, com premiação total de US$ 4 mil e 50 pontos para cada dupla campeã. Vinicius Font, tetracampeão mundial, atua com o capixaba Alvaro Campanharo, e Flavia Muniz, ex-top 5 mundial, joga com Julianna Martins. O torneio contará com jogadores também de Portugal e do Chile. Em paralelo serão disputadas as categorias amadoras, totalizando 700 inscrições em conjunto com os profissionais.

COMENTÁRIOS
Prospin
Faberg

PUBLICIDADE

VÍDEOS

Bopanna entra para a história do tênis aos 43 anos

A emoção de Hsieh e Mertens com o novo título de Slam

PUBLICIDADE